Início » Brasil » No segundo trimestre, taxa de desemprego sobe para 8,3%
Desemprego

No segundo trimestre, taxa de desemprego sobe para 8,3%

Número registrado desde 2012, quando a pesquisa começou a ser feita

Segundo dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a taxa de desemprego no Brasil ficou em 8,3% no segundo trimestre deste ano, o maior número registrado desde 2012, quando a pesquisa começou a ser feita.

No primeiro trimestre, a taxa ficou em 7,9%. O número foi ainda menor no segundo semestre de 2014: 6,8%

Já a renda média da população empregada, ficou em R$ 1.882 no segundo trimestre deste ano. Houve uma queda de 0,3% em relação aos primeiros três meses de 2015 e avanço de 1,6% ante igual período de 2014.

A taxa de desocupação é divulgada pelo IBGE desde janeiro de 2014, todo trimestre para todo o território nacional. Do período de abril a junho de 2014 até o segundo trimestre de 2015, 1.587 milhão de brasileiros saíram, sem sucesso, em busca de um trabalho.

O número representa um aumento de 23,5% na população desocupada em relação ao ano passado, e o número de desempregados no país chega a 8.354 milhões, o maior número já observado na série.

Por outro lado, a população ocupada cresceu 0,2% no segundo trimestre, o que significam 159 mil vagas criadas.

Ao todo, a população na força de trabalho aumentou 0,6% no segundo trimestre em relação ao primeiro (609 mil pessoas a mais). Já em relação ao segundo trimestre do ano passado, o número cresceu em 1.747 milhão, em uma alta de 1,8% no período.

Fontes:
Estadão - Desemprego sobe para 8,2% no segundo trimestre

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *