Início » Brasil » Nova fase da Lava Jato mira filho de Edison Lobão
OPERAÇÃO LEVIATÃ

Nova fase da Lava Jato mira filho de Edison Lobão

Batizada de Leviatã, a operação mira os ex-senadores Márcio Lobão e Luis Otávio Campos, suspeitos de receber propina nas obras de Belo Monte

Nova fase da Lava Jato mira filho de Edison Lobão
Filho de Edison Lobão teria recebido propina de 600 mil em espécie (Foto: EBC)

A Polícia Federal deflagrou na manhã desta quinta-feira, 16, a nova fase da Operação Lava Jato. Batizada de Leviatã, ela tem como alvos os ex-senadores Márcio Lobão, filho do senador e presidente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado Edison Lobão (PMDB-MA), e Luiz Otávio Campos, considerado pelos investigadores um apadrinhado político do senador Jader Barbalho (PMDB-PA).

Os agentes cumprem mandados de busca e apreensão em Brasília (DF), Belém (PA) e Rio de Janeiro (RJ). Os investigados podem responder por corrupção, lavagem de dinheiro e organização criminosa.

Márcio Lobão e Luiz Otávio Campos foram citados na delação de Flávio Barra, executivo da Andrade Gutierrez, empreiteira que fazia parte do consórcio de obras da usina. Segundo o executivo, foram repassados em propina entre R$ 4 milhões e R$ 5 milhões para as obras de Angra 3 e R$ 600 mil para as obras de Belo Monte. O valor corresponderia a 1% do valor das respectivas obras. O dinheiro referente a Belo Monte teria sido entregue em espécie na casa de Márcio Lobão. De acordo com o delator, o valor seria dividido entre políticos do PT e do PMDB.

Fontes:
Estadão-Leviatã espreita filho de Lobão e apadrinhado de Jader

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

6 Opiniões

  1. Oseas disse:

    Só podia ser “operação leviatã” para não só associar e lincar toda a estrutura do
    Poder governamental deste País com esse monstro, mas também caracterizar a verdadeira imagem do governo com toda a sua estrutura infestada de meliantes. Por que se exige enfaticamente transparência na exposição de fatos? Porque todos nós sabemos que nos MEANDROS DA SOCIEDADE, nos bastidores, quem domina é a BANDIDAGEM DOS PODEROSOS entranhados nas estruturas do Poder nacional e internacional, domínio de homens espúrios, sem caráter, traidores, violentos, HOMICIDAS, corruptos, dissimulados, hipócritas, estabelecem suas bases de ação em ambiente criado e propício para a prática de malfeitos e crimes, do jeito que o DIABO gosta, operam nas regiões onde domina o REI DAS TREVAS, no seu mundo demoníaco SUPERDESENVOLVIDO em atividades hediondas/repugnantes/ sórdidas e traiçoeiras, seja na política, seja na religião, nos costumes, nos negócios, na cultura, na linguagem, enfim, em tudo que se caracteriza como ser e existir no MUNDO DAS TREVAS, raça de víboras. Mas Deus é Luz e n’Ele não há trevas nenhumas. JESUS disse profeticamente, está escrito na Bíblia: “Nada há encoberto que não haja de ser descoberto; nem oculto, que não haja de ser sabido. Porquanto tudo o que em TREVAS disseram, à LUZ será ouvido; e o que falaram ao ouvido NO GABINETE, sobre os telhados será apregoado”. Está se cumprindo LITERALMENTE neste primeiro século do sétimo e último milênio. Ai deles, PORQUE A TODOS SERÁ MANIFESTO os seus desvarios e a esperança dos hipócritas ficará FRUSTRADA. IMPUNIDADES. NEVER, neste último milênio, já estão JULGADOS e CONDENADOS e serão CASTIGADOS. Ai deles, repito. Vejam bem. Noticiário recente denunciou que havia um conluio para tentar impedir o avanço das investigações no processo Lava Jato, um vídeo foi divulgado pela imprensa onde na fala do senador Jucá as investigações da Lava Jato precisavam ser interditadas, algo assim. Como os políticos não conseguiram deter o Juiz Moro e sua equipe, e a delação do “fim do mundo” veio à tona, com os nomes de mais de uma centena de políticos de quase todos os partidos e de empresários também, uma vez que o MPF encaminhou para o Ministro Teori relatar sobre a gigantesca delação ‘oldebrechtica’, não restava ou não restou aos instrumentos do Diabo, ou até mesmo o próprio Diabo que adora a disseminação da corrupção, outra alternativa senão “interditar” o Ministro Teori de alguma maneira, em algum lugar e a qualquer momento, antes que concluísse seus trabalhos da delação do “fim do mundo”, Diga-se de passagem, que é inaceitável que políticos ou quem quer que seja, que está com o seu nome na gigantesca lista de denunciados, indique o Ministro que deva substituir Teori Zavascki no STF, nenhum deles tem MORAL pra tomar essa decisão. Esse “ACIDENTE” precisa ser investigado a fundo, quem fez a manutenção, investigar se não houve conspiração, boicote, e por aí vai. Como se sabe, pelo histórico deste País, (Getúlio Vargas, Juscelino Kubtschek, Jânio Quadros, Jango, a FARSA ou MONTAGEM DOS MILITARES perpetrada no show do Rio Centro, a FARSA do “crime” da R. Toneleros contra Lacerda, o “ACIDENTE” do avião do Mal. Castelo Branco, Ulisses Guimarães, Eduardo Campos, entre outros, e agora Teori Zavascki, bem nem tudo é obra do acaso, mas também planejado friamente para matar e conspirar. Aliás, isso é próprio do vulgo, do homem natural, ANIMAL e BESTIAL, não importa o seu “status” no estrato da sociedade.

  2. Beraldo disse:

    É muita cara de pau.

  3. Áureo Ramos de Souza disse:

    O BRASIL FEDE. É UMA PODRIDÃO TOTAL E ELES NA CARA DE PAU DIZEM NÃO EXISTIR E NÃO PARTICIPARAM DE NADA. COMO NÃO PARTICIPARAM SE TEM PROVAS O PAÍS ESTÁ FEDENDO, PODRE E ELES VOTAM NELES.

  4. Rogerio Faria disse:

    Filho de lobo, “lobinho” é…

  5. Almanakut Brasil disse:

    Réus, investigados, delatados e até condenado escolhem o novo ministro do STF – 16/02/2017

    Acusações criminais e citações de delatores da Lava Jato perseguem pelo menos 44 dos 81 senadores que votarão a indicação de Alexandre de Moraes para o Supremo Tribunal Federal. Na prática, alguns parlamentares definirão o seu próprio juiz.

  6. Almanakut Brasil disse:

    Chitãozinho & Chororó – Casa Da Mãe Joana

    Pra Sempre Sertanejo
    youtube.com/watch?v=7H1lxv-Jhy8

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *