Início » Brasil » ‘NYT’ publica artigo em defesa de Lula
JULGAMENTO PELO TRF-4

‘NYT’ publica artigo em defesa de Lula

Intitulado a ‘A democracia brasileira é empurrada para o abismo’, artigo cria polêmica ao questionar a parcialidade do Judiciário brasileiro

‘NYT’ publica artigo em defesa de Lula
Artigo diz que evidências contra Lula estão abaixo dos padrões levados a sério nos EUA (Foto: EBC)

Um artigo publicado nesta terça-feira, 23, no jornal New York Times, saiu em defesa do ex-presidente Lula, que na próxima quarta-feira, 24, será julgado em segunda instância pelo TRF-4 no caso Tríplex.

Assinado pelo economista americano, Mark Weisbrot, codiretor do Centro para Pesquisas Econômicas e de Políticas Públicas, que tem sede em Washington, o artigo é intitulado “Democracia brasileira é empurrada para o abismo”. O texto cria polêmica ao questionar a parcialidade do Judiciário brasileiro e alertar para os riscos que a condenação de Lula pode ter para a democracia brasileira e para as eleições deste ano.

“O estado de direito e a independência do Judiciário são conquistas frágeis de muitos países – e suscetíveis a acentuados retrocessos. O Brasil, o último país das Américas a abolir a escravidão, é uma democracia bastante jovem, tendo emergido da ditadura há apenas três décadas. Nos últimos dois anos, o que poderia ter sido um avanço histórico – o Partido dos Trabalhadores garantir autonomia para o Judiciário investigar e processar casos de corrupção – virou o oposto. Como resultado, a democracia do Brasil está em seu momento mais frágil desde o fim da ditadura militar”, inicia o artigo de Weisbrot.

O texto, então, fala sobre o julgamento do TRF-4 e questiona a imparcialidade dos juízes envolvidos no processo, citando a declaração dada pelo presidente do TRF-4, o desembargador Carlos Eduardo Thompson Flores Lenz, que em agosto do ano passado exaltou a sentença dada por Moro a Lula como ‘tecnicamente irrepreensível’ e lembrando que a chefe do gabinete da presidência do tribunal, a servidora Daniela Tagliari Kreling Lau, já postou em sua página do Facebook uma petição pedindo pela condenação de Lula.

O articulista também questiona a parcialidade de Moro. “O juiz Sérgio Moro tem demonstrado seu próprio partidarismo em numerosas ocasiões”, diz Weisbrot, que também lembra que Moro já teve de se desculpar ao STF em 2016 pela divulgação dos áudios de conversas entre Lula e a ex-presidente Dilma Rousseff, seu advogado e sua esposa e filhos, e que Moro “organizou um espetáculo para a imprensa”, em que “a polícia apareceu na casa de Lula e o levou para depor coercitivamente, mesmo com o ex-presidente declarando que poderia depor voluntariamente”.

O texto afirma que as evidências contra Lula estão muito abaixo dos padrões “a serem levados a sério, por exemplo, no sistema jurídico dos Estados Unidos”. “O suborno alegadamente recebido pelo Sr. da Silva é um apartamento de propriedade da OEA. Mas não há provas documentais de que o Sr. da Silva ou sua esposa já tenham recebido títulos, alugado ou mesmo que tenham permanecido no apartamento, nem que tenham tentado aceitar este presente”, diz o articulista.

O economista questiona a legalidade do impeachment de Dilma Roussef, em 2016, afirmando que o próprio Ministério Público concluiu que a ela não cometeu crime.

O texto finaliza lembrando a vantagem de Lula nas pesquisas de intenção de voto para este ano e diz que, se Lula for impedido de disputar, o resultado do pleito pode ter a legitimidade questionada.

“Talvez o mais importante, o Brasil se reconstituirá como uma forma de democracia eleitoral muito mais limitada, em que um Judiciário politizado poderá excluir um líder político bastante popular de se candidatar a cargos. Isso seria uma calamidade para os brasileiros, a região [América Latina] e para o mundo”, finaliza o artigo.

Fontes:
The New York Times-Brazil’s Democracy Pushed Into the Abyss

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

21 Opiniões

  1. Waldir disse:

    Quem levou o Brasil para o abismo foram os políticos do PT, PMDB e outros partidos…
    Vem culpar o Sérgio Moro???
    Toma vergonha

  2. antonio Sobrinho disse:

    Todo mundo já sabe que esse Jornal é esquerdopata kkkk não engana mais ninguém..kkkkkk

  3. fmarques disse:

    e esta materia, teria alguma parcialidade? toma vergonha povo…

  4. Eduardo disse:

    Se gostam tanto dele, que levem ele pra lá e deem a ele um cargo no governo para eles conhecerem o grande estadista que afundou na lama nosso pais.

  5. Luiz Carlos Soares de Oliveira disse:

    Gostei do artigo. Bem realista. Abordou pontos verdadeiros e os riscos que todos correm com esta frágil democracia sendo ainda mais debilitada por um judiciário que há muito perdeu o senso de medida e o de justiça. Isto atrapalha a vida dos brasileiros. Fez menção,por exemplo, das declarações do presidente do TRF4 e de sua secretaria fazendo campanha pela prisão de Lula. Enquanto isso, o CNJ continua inerte e sem tomar uma atitude para restabelecer a decência neste TRF4 e evitar maior desgaste do judiciário.

  6. Jorge Luiz Ramos do Amaral disse:

    Este economista é um fã da esquerda latino-americana. Não duvido que seja matéria encomendada, pois é um colunista e não a opinião do Jornal.
    É só pesquisar Mark Weisbrot no Google e se comprova o que digo

  7. Silvio disse:

    Um país que elege Trump não tem competência para opinar sobre nossa política.

  8. Bruno Davi disse:

    Sérgio moro tem relação anti democratica covarde,alem de ter absolvido o famoso doleiro youssef 3X nos anos 90, relação com evasão de divisas do banrisul ,supostos 500 bilhões d desvios d privatização das telecomunicações, leva esse processo viciado,sem pé nem cabeça, contra único presidente q investiu seriamente na justiça do Brasil em mais de 200anos!

  9. Bruno Davi disse:

    Não é só NYT q vê trapaça contra a população brasileira, nessa fantasia morosa,Le monde,BBC entre outros órgãos de países desenvolvidos condenam ação d Moro e etc,pq só uns poucos brasileiros ricos e outros muito ricos,não gostam d Lula e do povo brasileiro?… Medo d polícia q Lula reformou, do presídio federal q Lula criou?….. Só pode ser…

  10. Rogério disse:

    O autor do artigo conhece nada de Brasil, diz que o apto pertence a OEA? Logo notasse a imbecialidade do mesmo. Também nada tem a ver o caso da Dilma com o julgamento do Sr. Silva. Portanto ele deveria se preocupar com as mazelas do presidente do EUA e deixar que o Brasil seja passado a limpo.

  11. moises teles de jesus neto disse:

    Percebe-se claramente que foi uma matéria encomendada pelo PT, pois dizer que as evidências contra LULA estão abaixo dos padrões levados a sério pelo judiciário americano é ridículo. O judiciário americano queria penalizar o Bill Clinton por seu envolvimento sexual com uma simples estagiária. As acusações contra LULA estão fartamente provadas por depoimentos, áudios e documentos. Está na hora do TRF4 duplicar a pena dada por Moro e por aquele farsante, corrupto, mentiroso na cadeia.

  12. Sonia disse:

    Análise isenta e correta!

  13. moises teles de jesus neto disse:

    Afinal, Lula já foi condenado na 1ª instância por corrupção, lavagem de dinheiro. Onde está a imoderação do meu comentário?

  14. gil disse:

    muito bom, este artigo deveria entrar para a historia do Brasil

  15. Bia disse:

    A questao central nao e ser de direita ou esquerda, a justica nao
    Pode ser partidaria e ponto!

  16. José disse:

    A justiça deve ser feita, independente de quem foi.
    Minha opinião LULA NA CADEIA JÁ.
    Espero que Temer e todos culpados assim que acabar o os mandato sigam o mesmo exemplo.
    Não vejo nada que impeça a prisão do companheiro…

  17. Natanael Ferraz disse:

    Adoro articulistas do NYT.
    Esse aí devia se inteirar do processo antes de emitir opinião: o fato de as provas serem frágeis, ao alvedrio de alguns, demonstra o quanto eles foram hábeis no crime de ocultação de patrimônio. E a Marisa Letícia, que poderia dar com a língua nos dentes providencialmente resolveu morrer…

  18. Celso Rodrigo Branicio disse:

    O jornal NYT sempre teve tendências de esquerda e mais uma vez com opinião passional e corporativista em caso de um político que apesar de ser da esquerda não é vítima e nem é perseguido político, trata-se de um mero ladrão corrupto e que inclusive conseguiu através de falcatruas na Petrobrás lesar até mesmo cidadãos americanos, lamentável esta mentalidade esquerdopata e pelo visto está virando mania não só aqui como em alguns países, eles acham que por ser de esquerda são todos santos e vítimas, só que não Lula é um ladrão e sobra provas e depois, ele e seus advogados alegaram ontem 23/01/2018 que queriam a prescrição do crime o que significa que assumiram a culpa dele, ele mesmo com esta atitude está alegando que é dono do Triplex e que é culpado pelo crime.

    O engraçado é que este Mark Weisbrot, codiretor do Centro para Pesquisas Econômicas e de Políticas Públicas, que tem sede em Washington fala como se Lula fosse um santo imaculado e inocente, ele sim está sendo parcial, alegando como os esquerdopatas do PT de que não tem provas contra Lula, que as provas apresentadas não tem valor, me poupe que palhaçada o cara quis pintar este marginal como se ele não tivesse cometido nenhum crime, sendo que ele já está perto de ter 10 processos na Justiça.

    Este é só o primeiro processo contra o Lula, temos muitos outros que ocorrerá julgamentos nos próximos meses e não procede as críticas contra Moro ele foi muito profissional sim e se fosse mais duro poderia até já ter mandado prender preventivamente Lula, veja o tumulto que ele criou isto em si já justificaria a prisão preventiva se o tivesse feito.

    Analise o modus operandi deste jornalista do NYT é igual aos militantes do PT e as fake news criadas pelos marketeiros do PT, claramente mais uma jogada deste partido que mais se parece com uma quadrilha de marginais do PT e usando o jornal sempre condescendente com partidos de esquerda do mundo todo para dar credibilidade a argumentações falsas deles e que visam dar um ar de inocência ao Lula coisa que ele nunca teve, aliás, lugar de bandido é na cadeia e as eleições ficarão muito melhor não tendo marginais como ele disputando as eleições.

  19. Francisco Taborda disse:

    É verdade. O sistema judiciário americano é impecável, como afirma o articulista. Executou Sacco e Vanzetti por crimes que eles não cometeram. Certamente, tudo foi corrigido, quando 40 anos depois pediram desculpas pelo engano.

  20. Carlos disse:

    A democracia brasileira é empurrada para o abismo e um Judiciário politizado? Quem? O Juiz Sérgio Moro ou todo o STF, com 2 “juízes” que nunca tiraram o curso de juízes ficando como simples advogados com um emprego fabuloso?
    O Judiciário representado pelo STF fatia a Constituição, liberta bandidos de colarinho branco e não apenas. O lula é bem condenado e um jornaleco ou pasquim de New York aparece criticando nossos Juízes?
    Quem se julga esse pasquim marxista ao serviço de Soros e da Nova Ordem Mundial.

  21. Francisco Brito disse:

    Os argumentos sobre Lula não ter usado, alugado ou insinuado ser dele o apto, mostram o desconhecimento ou falta de sensatez do Mark na análise dos fatos. Quem recebe PROPINA e sinaliza interesse público nisso? Desde quando se passa recibo ao receber bens ou dinheiro de propina? Ele também não menciona os depoimentos de Leo Pinheiro, do zelador, dos arquitetos, engenheiros, das empresas contratadas para montar cozinha e etc. Todos mentes, menos Lula. Acho que alguém desejava vender jornal mas, por aqui, os demais aplaudem a matéria igual as globais, tendenciosas.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *