Início » Brasil » O fim do mandato de Janot à frente da PGR
MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL

O fim do mandato de Janot à frente da PGR

Rodrigo Janot será substituído por Raquel Dodge, que toma posse nesta segunda

O fim do mandato de Janot à frente da PGR
Janot esteve à frente da PGR nos últimos quatro anos (Fonte: Reprodução/Agência Brasil)

Termina neste domingo, 17, o mandato de Rodrigo Janot no comando da Procuradoria Geral da República (PGR). Janot será substituído por Raquel Dodge, que toma posse nesta segunda-feira, 18.

À frente da PGR nos últimos quatro anos, Janot conduziu a maior operação de combate à corrupção no país já realizada pelo Ministério Público Federal.

A Operação Lava Jato abriu no Supremo Tribunal Federal (STF) 137 investigações. Entre os alvos estão o presidente Michel Temer, quatro ex-presidentes, 93 parlamentares, seis ministros do atual governo e dois ministros do Tribunal de Contas da União (TCU).

Mais de 100 pessoas que não têm foro privilegiado, incluindo lobistas, doleiros, ex-diretores de estatais e políticos sem mandato, também estão sendo investigados no STF. Há ainda outras dezenas de pessoas que tiveram os casos remetidos para instâncias inferiores.

Além da Lava Jato, que apura, principalmente, desvios de recursos de Petrobras, Eletrobras, Caixa e fundos de pensão, o MPF também investigou nos últimos quatro anos outros esquemas de corrupção no país, como as operações Zelotes e Ararath.

Foi também na gestão de Janot que se intensificou no país o uso da delação premiada. Apenas na Lava Jato foram validados 159 acordos.

Rodrigo Janot agora deve tirar 30 dias de férias antes de retornar à PGR como subprocurador-geral da República, cargo que ocupava anteriormente.

Fontes:
G1 - Chega ao fim mandato de 4 anos de Janot à frente da Procuradoria Geral da República

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *