Início » Brasil » Obra de fábrica de R$ 3,9 bi da Petrobras é paralisada
Mato Grosso do Sul

Obra de fábrica de R$ 3,9 bi da Petrobras é paralisada

Crise que levou à paralisação se estabeleceu em abril deste ano, quando pequenas empresas locais e regionais fecharam por falta de pagamento

Obra de fábrica de R$ 3,9 bi da Petrobras é paralisada
A fábrica deveria ter sido entregue em setembro, mas o cronograma da obra agora vai até junho de 2015 (Reprodução / Estadão)

Orçada em R$ 3,9 bilhões, as obras da Unidade de Fertilizantes Nitrogenados 3, da Petrobras, em Três Lagoas (MS), estão paralisadas. Entre outubro e novembro 3,5 mil operários que trabalhavam na construção da fábrica foram demitidos.

Os últimos 650 funcionários foram dispensados esta semana pelo consórcio UFN3, que é formado pela Sinopec Petroleum Brasil, de capital chinês e pela Galvão Engenharia. Inicialmente, quem era responsável pela construção da unidade era a GDK, que deixou o consórcio para entrar em recuperação judicial.

O presidente do Sindicato dos Trabalhadores na Construção Civil de Três Lagoas, Aldenísio Santos Sales, disse que as demissões são fruto do descontrole administrativo da obra. Sales diz que já houve períodos que seis mil pessoas trabalhavam no canteiro e que os responsáveis pela obra não passam informações aos operários.

As dívidas do consórcio chegam a R$ 90 milhões. Dez por cento desse valor são em dívidas para pequenos fornecedores da região. Com isso, a comarca local da Justiça Federal recebeu inúmeros pedidos de insolvência e falência. Cerca de 130 credores protestaram títulos que chegam ao valor de R$ 35 milhões.

A fábrica deveria ter sido entregue em setembro, mas o cronograma da obra agora vai até  junho de 2015. A crise se estabeleceu em abril deste ano, quando pequenas empresas locais e regionais fecharam em decorrência da falta de pagamento dos recursos que vinham da obra.

Fontes:
Estadão - Crise paralisa obras de fábrica de fertilizantes no AMto Grosso

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *