Início » Brasil » Papa divulga vídeo pedindo imparcialidade a juízes
MENSAGEM NO TWITTER

Papa divulga vídeo pedindo imparcialidade a juízes

Em vídeo, pontífice pede que aqueles que administram a justiça operem com integridade. Oposição faz referência a Sérgio Moro

Papa divulga vídeo pedindo imparcialidade a juízes
Esta não é a 1ª vez que uma mensagem do papa gera alvoroço na política brasileira (Foto: Twitter/Papa Francisco)

Uma mensagem divulgada pelo Papa Francisco nesta quinta-feira, 4, acirrou o debate entre parlamentares e eleitores brasileiros.

Em um vídeo de um minuto, divulgado em sua conta oficial no Twitter, intitulado “Intenção de oração do papa”, o pontífice afirma:

“Dos juízes dependem decisões que influenciam os direitos e os bens das pessoas. Sua independência deve ajudá-los a serem isentos de favoritismos e de pressões que possam contaminar as decisões que devem tomar. Os juízes devem seguir o exemplo de Jesus, que nunca negocia a verdade. Rezemos para que todos aqueles que administram a justiça operem com integridade e para que a injustiça que atravessa o mundo não tenha a última palavra”.

Parlamentares de oposição usaram o vídeo como uma referência ao ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro – alvo de um escândalo batizado de Vaza Jato, revelado pelo site “The Intercept”.

Divulgado por volta das 11h desta quinta-feira, o vídeo imediatamente chegou ao centro do debate no Twitter. “E aí? Moro vai pedir para a PF acionar o COAF para intimidar o Papa também?”, ironizou o deputado José Guimarães (PT-CE).

Outros não citaram diretamente o ministro, se limitando a pedir reflexão sobre a mensagem. “Justiça para cristãos é algo muito importante. Afinal, o mestre dos mestres andou entre os desvalidos e injustiçados e ele mesmo foi condenado à morte por pregar o amor, a solidariedade e a compaixão com a diferença. Vale a pena ver, refletir e repassar o vídeo do Papa Francisco.”, escreveu o vereador Tarcísio Motta (Psol-RJ).

“Hj o Papa Francisco trouxe uma msg importante ao mundo. A injustiça do sistema traz danos à sociedade. P/ ele, ‘Os juízes devem seguir o exemplo de Jesus, que nunca negocia a verdade’. O @Pontifex_pt demonstra outra vez seu compromisso c/ a msg de Cristo e com a justiça no mundo”, escreveu o senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP).

O jornalista Glenn Greenwald, do “Intercept”, – que vem coordenando a série de reportagens sobre a troca de mensagens entre Moro e os procuradores da Operação Lava Jato – também se manifestou sobre o vídeo.

“Eu mal posso acreditar no que estou vendo. Muito bem falado e muito bem feito. Obrigado, @Pontifex_pt. Espero que os defensores do @SF_Moro que ainda restam ouçam e compreendam. É exatamente disso que trata o jornalismo que fazemos na #VazaJato”, escreveu o jornalista.

Esta não é a primeira vez que uma mensagem do papa gera alvoroço na política brasileira. Em maio deste ano, o pontífice enviou uma carta a Lula, pedindo ao ex-presidente que “não desanime” e lamentando o que chamou de “duras provações” enfrentadas por ele. A mensagem passou a ser replicada por apoiadores do ex-presidente e refutada por críticos, alguns deles afirmando que o pontífice é comunista.

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

2 Opiniões

  1. Roberto Henry Ebelt disse:

    Mas que timing socialista esse sacripanta tem. Vade retro Papa Socialista.

  2. jayme endebo disse:

    Está na hora da Igreja indenizar os negros pelos trabalhos escravos realizados ao longo dos 350 anos construindo igrejas e outros prédios.Ficar posando de humanista e de amor aos pobres não convence nem as criancinhas. Já passou da hora

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *