Início » Brasil » Passeatas do dia 12 de abril acontecerão em 161 cidades
Protestos

Passeatas do dia 12 de abril acontecerão em 161 cidades

Manifestações também acontecerão fora do país. Representantes de movimentos organizadores pedem o impeachment da presidente

Passeatas do dia 12 de abril acontecerão em 161 cidades
Expectativa é de que os movimentos do dia 12 de abril sejam ainda maiores que os primeiros (Foto: Reprodução/Divulgação MBL)

Após os protestos do dia 15 de março atraírem mais de 2 milhões de pessoas em todo o país, o foco dos organizadores agora é neste próximo domingo, 12 de abril, data em que esperam levar um número ainda maior de eleitores insatisfeitos às ruas de 161 cidades.

Os protestos vêm sendo organizados em escala nacional por dois principais grupos: o Movimento Brasil Livre (MBL) e o Vem Pra Rua. Embora as manifestações do dia 15 tenham tomado uma proporção muito maior do que até os organizadores esperavam, atraindo desde aqueles insatisfeitos apenas com as medidas de ajuste fiscal até os que defendem uma intervenção militar, os organizadores do movimento têm como principal objetivo o impeachment da presidente.

Em entrevista ao O&N, Kim Kataguiri, um dos coordenadores nacionais do MBL, diz que a expectativa para as manifestações de domingo é ainda maior que a anterior quanto ao número de participantes. Elas também não serão as últimas. A ideia do MBL é continuar a organizar protestos até que seja iniciado um processo de impeachment contra a presidente Dilma Rousseff, por seu suposto envolvimento nos recentes escândalos de corrupção no país.

“O Petrolão e o Mensalão não foram meros casos de corrupção, foram o governo federal submetendo o poder Legislativo aos seus interesses”, diz Kataguiri. “Acabar com a separação dos três poderes é destruir a República, e isso é um crime político gravíssimo. Portanto, pedimos o impeachment da presidente Dilma Rousseff no dia 15 e pediremos novamente no dia 12 de abril”.

‘Cariocas Diretos’

Pedro Mercante é estudante de engenharia e participa da organização das manifestações contra o governo (Foto: Gilberto Perez)

Pedro Mercante é estudante de engenharia e participa da organização das manifestações contra o governo (Foto: Gilberto Perez)

Pedro Mercante, que também participou da organização das passeatas de março pelo MBL e hoje faz parte do movimento Cariocas Direitos, afirma que o pedido de impeachment tem base jurídica, segundo vários especialistas na área.

“Não sairíamos à rua pedindo o impedimento da presidente se não houvesse um parecer judicial favorável a essa condição de mais de um jurista”, diz. “A gente preza pela democracia, tanto pela eleição de um presidente quanto pela perda da sua legitimidade. A saída da presidente só irá ocorrer se houver representatividade popular, é isso que queremos. O povo tem que ir pra rua pedir a convocação de novas eleições”.

Vem pra Rua

Luciana Arraes, uma das coordenadoras do Vem Pra Rua, no Rio de Janeiro, afirma que a intenção do grupo é expandir ainda mais o movimento, aumentando a participação de cidades menos populosas para mostrar a indignação de todo o povo e pressionar para que investigações sejam concluídas de forma satisfatória. Segundo Luciana, o movimento continuará batalhando pelo fim da impunidade.

“Gostamos muito de atos pontuais, achamos que eles têm grande impacto, então, deveremos seguir por esse caminho após o dia 12. Queremos um basta na impunidade e para isso não podemos deixar de nos expressar e pressionar”, afirmou.

Expectativa superada

Não foi só o governo que ficou surpreso com a quantidade de manifestantes que foram às ruas no dia 15. Somente em São Paulo, mais de 1 milhão aderiram aos protestos.

“Ficamos surpresos, sabíamos que o brasileiro estava descontente com o governo, mas não imaginamos que teríamos tanta adesão. Isso mostra que o povo está cansado das desculpas e que não compra mais a ideia do país perfeito, sem inflação e miséria, que foi vendido antes da eleição”, diz Luciana.

Kataguiri conta que esperava em torno de 200 mil participantes em São Paulo e 1 milhão em todo o país. Mercante acrescenta que a expectativa inicial era de mil pessoas no Rio de Janeiro, mas com a divulgação na mídia e a ajuda de famosos convocando pessoas nas redes sociais, o evento começou a crescer.

Intervenção militar fora de questão

Ao contrário do que muitos veículos divulgaram às vésperas do protesto de 15 de março, os movimentos não apoiam uma intervenção militar no governo. Tanto o MBL como o Vem Pra Rua defendem um governo democrático, liberal e que siga as leis.

“Defendemos o impeachment sim, mas somos completamente contra uma intervenção militar, afinal, somos liberais e defendemos a República, ou seja, repudiaremos qualquer tipo de atitude que não esteja dentro do campo democrático”, diz o representante do MBL.

Mercante acredita que a dúvida surge por ser um movimento popular, o que o torna plural. Há pessoas nas manifestações que de fato defendem essa bandeira, o que não significa que os movimentos o façam, diz.

Resposta do governo não agrada

A resposta do governo às manifestações e à crise não agradou aos líderes dos movimentos até agora. Tanto o pacote fiscal quanto as medidas anticorrupção foram considerados insuficientes para solucionar os problemas do Brasil. Luciana afirmou que o ajuste fiscal sacrifica a população pela incompetência do governo. Tanto ela quanto Kataguiri dizem que repassar o custo ao contribuinte tendo gastos elevadíssimos com parlamentares é um absurdo.

“Pedir que a população se sacrifique ainda mais enquanto o executivo tem quase 40 ministérios, cartões corporativos ilimitados e aumenta os salários e benefícios de parlamentares, soa um tanto quanto hipócrita. Além disso, não temos serviços básicos garantidos, como saúde e educação”, disse Luciana.

Sobre as medidas de combate à corrupção, Mercante reclama que toda vez que aparece algum escândalo de corrupção, como o Mensalão em 2005 e agora o Petrolão, o PT anuncia um pacote. Segundo ele, essa não é a solução. Mercante defende uma consulta popular para decidir sobre a questão da corrupção.

“O pacote anticorrupção vem sendo anunciado desde 2005, ainda pelo ex-presidente Lula, quando houve o caso do Mensalão. Não é isso que vai dar jeito, que vai mudar o modo de operar de uma parte do poder executivo da noite para o dia”, diz Mercante. “É preciso um estudo profundo sobre isso e um debate com a sociedade. Uma ação de cima para baixo cria atrocidades no âmbito legal  e causa um problema de legitimidade do pacote. Não funciona.”

No Rio de Janeiro o protesto do dia 12 de abril será em Copacabana às 14h, e em São Paulo, na Avenida Paulista às 15h. A lista abaixo mostrando todas as localidades e horários  foi divulgada no Facebook do MBL na última terça-feira, 7.

Confira os horários e locais dos movimentos:

Passeatas contra Dilma prometem tomar as ruas do país (Foto: Reprodução/Divulgação)

Passeatas contra Dilma prometem tomar as ruas do país (Foto: Reprodução/Divulgação)

27 Opiniões

  1. Mario disse:

    A propósito: se a Dilma sofresse Impeachment, não seria seu vice a assumir, pois não completou 50% do seu mandato. Então, o presidente da câmara assume e tem 90 dias para convocar as eleições gerais. Portanto, a presidente sair hoje significa fora PT e PMDB.

  2. Mario disse:

    Acho que a política no Brasil está muito ruim. A presidente eleita infelizmente levou o Brasil a uma crise sem precedentes. E nem é uma questão de partido, se o processo vem de longa data. Mas é preciso dar um basta, sim. E um estudo mais profundo implica em demora para um povo cansado de esperar. E, de fato, tributar uma população por causa das falhas está errado. Vamos cortar as viagens, reduzir salários de parlamentares a valores condizentes com a realidade da população. Isso seria um bom começo.

  3. pedro disse:

    esta na hora de acabarmos com o famigerado PT

  4. Antonio disse:

    Acorda gigante, saia do seu berço esplêndido e mostre suas cara

  5. Liliana disse:

    Chegou a hora de dar um basta na evasão do dinheiro de nossas contribuições fiscais. Moralizar a política e os políticos. Pois os que se encontram no poder só tem como objetivo seus próprios interesses. Devemos ter como objetivo a renovação, integral, da classe política. Pois são raras as exceções.

  6. yama souto disse:

    Eu comparecerei ACREDITO QUE JÁ PASSOU DA HORA DE REJEITARMOS OS ELEMENTOS CRIMINOSOS QUE INFILTRADOS NO PODER PELO VOTO MANIPULADO POR “SUBORNOS SOCIAIS” INFILTRARAM AS INSTITUIÇÕES PÚBLICAS PARA SERVIREM AOS SEUS INTERESSES ESPÚRIOS E CONDUTAS CRIMINOSOS COM O AUTO ENRIQUECIMENTO E FISIOLOGISMO DOS “CÚMPLICES DA QUADRILHA”. BASTA DE TOLERÂNCIA A VERGONHA SUPERA A INDIGNAÇÃO E SILENCIOU OS QUE TRABALHAM E TRABALHARAM ACREDITANDO QUE O ESFORÇO E A HONESTIDADE SERIAM A GARANTIA DO ENVELHECIMENTO RECONHECIDO E NÃO DEPRECIADO E OFENDIDO. FORA PT DEFINITIVAMENTE COM A SAÍDA DOS CRIMINOSOS DO PODER…

  7. Ricardo Franco disse:

    Gostaria de fazer um alerta sobre a terceirização. As pessoas que contratarão as firmas terceirizadas são as mesmas, ou companheiras, das que definiram os contratos, as empreiteiras e as propinas citadas na Lava Jato. Além disto, o dinheiro do propino-duto pode ser usado nas terceirizadas para lavagem do dinheiro.
    Repitam comigo, fora Dilma, cadeia Lula, e não para a terceirização.

  8. João Clausell disse:

    O clamor do povo é fundamental, deve continuar até o impeachment da Dilma. Estarei na passeata, sim.
    Importante: Toffoli com mestre-sala da segunda Turma do STF é um absurdo !!!
    Esse ministro foi ajudante do PT, assessor do José Dirceu (condenado no Mensalão), foi reprovado duas vezes 1994 1995, em concurso para juiz substituto do Estado de São Paulo, foi presidente do Supremo Tribunal Federal nesta última eleição para presidente, eleição esta que não confio na lisura. Portas fechadas se imprensa !?

  9. Antonio disse:

    Por muito menos do que vem acontecendo houve a saida de Color através de carta renuncia antes de ser julgado.
    Nosso povo infelizmente se mostrado covarde e uma greve geral apenas 1 dia com o povo na rua serviria como uma forma de mostrar atitude. No mesmo dia todos de Brasilia com uma vassoura, agua e sabão na mão cercaria os três poderes para uma faxina externa e após limpo desratização total. Esta seria a 1° fase.

  10. bruno ferreira disse:

    vamos la Brasil mostra a nossa forsa

  11. Carlos Alberto de Souza Coelho disse:

    Acho que este é o caminho certo sem violência o que é fundamental, acho que depois dessa a próxima tem que ser no dia 7 de setembro a ideia é enfraquecer cada vez mais o PT, o Lula e a Dilma. nas eleições do ano que vem o PT deve ter uma derrota bem estrondosa para ficar sem força nenhuma para as outras eleições. Vamos acabar com eles.

  12. ROBSON LOPES DE ABREU disse:

    NÃO FOMOS CONVIDADOS PARA A FESTA (GASTANÇA DE CORRUPÇÃO) E AGORA NOS MANDAM A CONTA. ASSIM É FÁCIL. NÃO PODEMOS DEIXAR QUE METAM A MÃO NO NOSSO BOLSO. TEMOS O CONGRESSO MAIS CARO DO MUNDO E NÃO PARAM DE AUMENTAR IMPOSTOS. REDUZAM A QUANTIDADE DE MINISTÉRIOS. DESAPARELHEM OS ÓRGÃOS CHAVES DO GOVERNO. ABAIXO A CORRUPÇÃO. BASTA DE MENTIRAS. O SISTEMA EDUCACIONAL COMO TANTOS OUTROS ESTÁ CORROÍDO. ESTE GOVERNO CONSEGUIU APARELHAR TODAS AS INSTITUIÇÕES ESTRATÉGICAS IMPONDO SUA GENIALIDADE CORRUPTA. FAZ PARTE DE UM PROJETO REPLETO DE ROUBOS. ELES SE PREPARARAM PARA CONSEGUIR ESTE RESULTADO NEFASTO PARA O POVO TRABALHADOR E ORDEIRO.

  13. Áureo Ramos de Souza disse:

    ramesoj disse tudo e eu vou dizer mais o que?

  14. Osvaldo Aires Bade disse:

    Confira horários e locais atualizados das manifestações deste 12 de abril no Brasil e no exterior
    http://cinenegocioseimoveis.blogspot.com.br/2015/04/confira-horario-e-local-das.html

  15. Antonio Soares disse:

    2 milhões de pessoas??? Ué!!! Não eram 50 milhões??? Esses “comunistas esquerdopatas bolivarianos cubanos guerrilheiros” sempre querendo roubar!!! Vão pra cubaaaa!!!!!

  16. ramesoj disse:

    Fim ABSOLUTO do PRESIDENCIALISMO no Brasil.ALA GOVERNISTA se junta à OPOSIÇÃO e USURPAM a GOVERNABILIDADE da PRESIDENTA DILMA ROUSSEFF. Repudiamos essa CONDUTA do CONGRESSO NACIONAL,que se mostra ANTIDEMOCRÁTICO ditando quem deve NEGOCIAR com ELE.Aceitaram apenas o VICE de DILMA que é também do PMDB de EDUARDO CUNHA e RENAN CALHEIROS! EXIJAM que se insira na CONSTITUIÇÃO PRISÃO PERPÉTUA para POLÍTICOS e JURISTAS CORRUPTOS além EMPREITEIROS CORRUPTOS e SONEGADORES FISCAIS e para todo TIPO de crime CONTRA a VIDA e estupros…..Exijam o FIM do FORO PRIVILEGIADO que tem servido por CORRUPTOS como ESCUDO contra PUNIÇÕES…..Exijam que não haja indicação política de MINISTROS para o STF/STJ/PGR etc….e também não haja indicação política para todos as ESTATAIS,pois PRESIDENTES NUNCA SABEM DE NADA DE ERRADO QUE SEUS INDICADOS FAZEM OU PRATICAS sendo eles de CONFIANÇA!…..E cobrem um SALÁRIO MÍNIMO que esteja de acordo com a CONSTITUIÇÃO FEDERAL descrito no artigo 7° inciso IV que afirma que deve suprir todas as necessidades básicas do CIDADÃO BRASILEIRO e não essa MISÉRIA de R$:788,00 que não dá para pagar nem o aluguel de uma casa.ENTÃO QUALQUER ARGUMENTO DE POLÍTICOS SÃO MERAS INVERDADES e MANIPULAÇÃO de um POVO que não conhece nem os SEUS DIREITOS. Notem que para os POLÍTICOS e JURISTAS eles aprovam mesmo numa situação tão difícil com essa que o Povo brasileiro está passando um SALÁRIO MÍNIMO deles de R$:34.000,00(TRINTA e QUATRO MIL REAIS aproximadamente)mais 5.000,00(CINCO MIL REAIS só de AUXÍLIO MORADIA)mais AUXÍLIOS CRECHE,GASOLINA,CESTA BÁSICA,etc…..E o Povo tem que se contentar com o salário miséria que fere a CONSTITUIÇÃO FEDERAL e a DIGNIDADE de um POVO que paga tanto impostos e não USUFRUI nem dos seus DIREITOS FUNDAMENTAIS BÁSICOS descritos nos artigo 1°inciso III e 5°,6°,196° e o que mantem o POVO na MISÉRIA ABSOLUTA artigo 7°incisoIV e ainda eles têm campanhas MILHONÁRIAS bancadas por EMPRESAS que após eles ganharem são obrigados votar contra dos DIREITOS dos TRABALHADORES QUE JÁ ESTÃO NA MISÉRIA…….

  17. ramesoj disse:

    Estamos presenciando tanta gente MANIPULADA e SEM INSTRUÇÃO POLÍTICA ou SEM NOÇÃO DO RIDÍCULO,não percam seus tempos sendo MARIONETE de PARTIDOS oportunistas e gente que se vende para GRUPOS EMPRESARIAIS que se estabeleceram dentro e fora do CONGRESSO NACIONAL com intuito de SABOTAR não só o GOVERNO da PRESIDENTA DILMA,mas também SABOTAR e BOICOTAR o Povo Brasileiro que sabe que a PRESIDENTA está refém de um CONGRESSO com lideranças PMDBISTAS que desejam ENTRONIZAR o VICE da DILMA que pertence ao PMDB.Abram os olhos pois esse partido é o PAI e MÃE da REFORMA PREVIDENCIÁRIA cruel e DESUMANA…..Além de ser o AMIGO da ONÇA e se mostrar um verdadeiro amigo da OPOSIÇÃO ao GOVERNO…..

  18. Carlos Furtado disse:

    O mais importante é Salvar o BNDES ,BB,e Caixa ,CPI do BNDES e auditar os empréstimos dos amigos de MULA de 9 patas

  19. Jorge Ganem disse:

    PRISÃO AGRÍCOLA NA AMAZÔNIA DEVASTADA !
    PARA OS CORRUPTOS E FALSOS BOLSISTAS
    PAGAREM O ROMBO TRABALHANDO !

    FORA DILMA E LEVE JUNTOS SEUS PARES, COLLOR E RATOS !
    QUADRILHA !

    QUE ME DESCULPEM OS RATOS…

  20. wilson disse:

    O Brasil precisa urgente de reforma política. Reduzir o número de parlamentares já. Não precisamos de 567 burgueses.

  21. Paulo Charão disse:

    Vou participar da manifestacao , embora , o impedimento da Presidenta, não seja uma solução definitiva, com este congresso que está aí, afinal os parlamentares também foram eleitos com os.nossos.votos e não estão correspondendo haja vista quem foram as pessoas que receberam dinheiro do mensalão? sou a favor de uma intervenção dentro da LEGALIDADE das Forças Armadas, com a imediata convocação de novas eleições Gerais.

  22. dragaoforte disse:

    Sou contra a PEC 63/2013…por favor votem contra é uma esbanjaria com o nosso dinheiro…se aprovada for o povo de uma forma geral perde….
    Somos um povo bom e trabalhador…chega de roubo….

  23. Nick Portugal disse:

    Gostei muito das declarações, a democracia é plural porém com responsabilidade, não vamos entrar no discurso raivoso do governo, o que a sociedade brasileira quer é ser respeitada, ou seja, ter um governo que nos represente e não o que está ai, representando a roubalheira e as ditaturas da América Latina. Vocês devem também avisar para esse desgoverno que o povo sabe diferenciar, exemplo direito ou conquista social, a distribuição de renda via bolsa família é uma grande corrupção, eu entendo que os menos favorecidos tenham direitos e dignidade, porém isso não está acontecendo? veja que um grande número da população brasileira moram em área irregular sem saneamento básico, mesmo assim eles tiveram acesso a geladeira, TV, até Automóvel mesmo que não posam mantê-lo.
    Mais faltou o necessário, Creche, Escolas para todos, saneamento básico, Saúde, Transporte, Segurança e por ultimo a moradia não essa minha casa minha vida, que gasta-se fortunas e uma grande parte fica na mão dos milicianos.

  24. Joaquim Caldas disse:

    A santa inquisição da população brasileira quer a cabeça dos traidores,não nos interessa o impeachment.Morte já!!!
    30 anos de roubo,assaltos e mentiras,chega!!! Estamos trabalhando para enriquecer os partidos políticos e não para o bem da nação? Todo patrimônio da União está comprometido.Venderam até parte da Amazônia com os índios e tudo mais.Afinal,o que é que temos em caixa? Uma dívida de três trilhões!

  25. jimanouk disse:

    Todos pra Convenção dos patéticos dia 12! Tire selfies com a PM, xaveque as moças bonitas, não saiba porque está lá, mas vá assim mesmo, afinal você é gente de bem, paga seus impostos direitinho. Ah! não se esqueça de levar sua camiseta da seleção com o emblema da mais honesta entidade esportiva do Brasil: A CBf! Se não tiver, pode ser pirata mesmo. O Brasil agradece sua vontade de mudança, seu civismo! Afinal, o Temer é o presidente que todos adorariam ter, ainda mais com uma primeira-dama tão bonita, não é mesmo.

  26. jayme endebo disse:

    Vamos que Vamos

  27. EDMILSON NASCIMENTO disse:

    VOTE CONTRA 63/2013! ESSA PEC É UMA VERGONHA PARA OS MEMBROS DA MAGISTRATURA E DO MINISTÉRIO PÚBLICO. O PODER LEGISLATIVO QUER CRIAR UMA CASTA ESPECIAL!!! MANIFESTEM-SE CONTRA A PEC 63/2013 NO DIA 12 DE ABRIL DE 2015!!! Peço que divulguem para seus contatos de e-mail, no seu facebook etc. Acesse o site do Senado Federal e VOTE CONTRA A PEC 63/2013 e VOTE CONTRA A PEC 63/2013. PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO – PEC 63/2013 – Ler texto na íntegra Atualmente, o resultado parcial dos votos computados é: A FAVOR 8622 X CONTRA 1751 : O RESULTADO ATUAL DESTA VOTAÇÃO DEMONSTRA O ATIVISMO DAS ASSOCIAÇÕES DOS BENEFICIADOS! A sociedade e todos os servidores públicos devem participar ativamente desse debate, pois não diz respeito apenas as partes diretamente beneficiadas. A PEC 63/2013, pretende reinstituir o Adicional de Tempo de Serviço APENAS para membros da Magistratura e do Ministério Público. Consta do site do Senado que há uma Carta Aberta aos Senadores da República, postulando pela rejeição a referida PEC 63/2013. Vamos nos unir e decretarmos um dia de luta contra a PEC 63/2013. Todos justos seremos mais fortes. MANIFESTEM-SE CONTRA A PEC 63/2013 NO DIA 12 DE ABRIL DE 2015!!!

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *