Início » Opinião » Artigos » Patriarca faz périplo pela libertação de Odebrecht
Coluna Esplanada

Patriarca faz périplo pela libertação de Odebrecht

Emílio Odebrecht foi pedir ajuda ao ex-governador de Goiás para libertação de Marcelo Odebrecht

Patriarca faz périplo pela libertação de Odebrecht
Iris Rezende, ex-governador de Goiás, é padrinho da ministra Laurita Vaz, do STJ

Num dia da última semana de julho um jatinho rasgou o céu da Fazenda Estrela, sobre seus 2,3 mil alqueires, e aterrissou na pista da propriedade. A bordo, o empresário Emílio Odebrecht, controlador do maior grupo empresarial do País. Foi recebido pelo dono da fazenda, Iris Rezende, ex-governador de Goiás. Emílio foi pedir ajuda para a libertação do seu filho, Marcelo Odebrecht, trancafiado num presídio de Curitiba, alvo da Operação Lava Jato. Soube que Iris é padrinho da ministra Laurita Vaz, do STJ, Corte onde repousa o habeas corpus impetrado dias antes da visita. Tudo em vão.

Nem atendeu

Iris tentou contato com a ministra do STJ através de amigo próximo, mas Laurita Vaz não quis conversa. O HC está sob análise da Quinta Turma, da qual ela faz parte.

Turbina silenciosa

Questionado, Iris desconversou. A assessoria de Odebrecht nega e diz ser especulação, e a do STJ não comenta casos envolvendo ministros. A coluna mantém a versão.

Sabe onde pisa

Só curiosidade: a fazenda de Iris mede mais de 100 milhões de metros quadrados e está avaliada, segundo notícias de jornais, em R$ 200 milhões.

Frente Pró-Dilma

Um grupo suprapartidário da base lança a Frente Popular Nacional e Democrática para defender o PT e a presidente Dilma. Os parlamentares e ex-mandatários pretendem rodar o país em atos públicos em capitais. Sim, claro, você paga a conta das viagens.

Poder & Fé

Em Curitiba meteram a Igreja numa fria. Roberto Amaral (PSB), Gleisi Hoffmann (PT), Requião (PMDB), Paulo Paim (PT), Vanessa Grazziotin (PCdoB), Tarso Genro (PT) incluíram o arcebispo Dom José Peruzzo na turma. Será na próxima sexta, num hotel.

Pegou um, pega geral

Um ex-deputado, já aposentado da política, ao comentar os escândalos da Lava Jato disse, com conhecimento de causa: ‘Graças a Deus eu já estou longe dessa vida! Para mim isso só está começando!’.

Um trocado

De um delegado: o repasse de R$ 250 mil para igreja de Campinas, supostamente a pedido de Cunha, não foi lavagem de dinheiro. Pelo ‘trocado’, foi doação mesmo.

Ei, eu existo

O Mercosul está tão esquecido no cenário político-econômico do hemisfério Sul que o deputado Luiz Lauro (PSB-SP) solicitou Moção de Apoio.

Robô votante

O deputado Diego Garcia (PHS-PR) descobriu uma maracutaia digital numa enquete do site da Câmara. Envolve a pergunta sobre concordar ou não com o núcleo da família ‘formado por homem e mulher’. Está na frente a escolha pelo ‘não’.

Tá explicado

Segundo o deputado, após apuração, os 51,62% dos votos contra a família ‘homem e mulher’, com 3 milhões de votos, vieram apenas de 66 computadores. E só um IP (identidade de um computador) votou 1,6 milhão de vezes pelo ‘não’.

Ligadões

Os diretores de distribuidoras de energia com as renovações de concessão pendentes estão desesperados. Temem que a presidente Dilma edite outra MP da Conta de Luz, forçando a baixa do preço, e aniquilem suas receitas como fez na última edição.

Cidade-Pedal

A Secretaria Municipal de Meio Ambiente do Rio promove de 20 a 22 de setembro o 5º Fórum Internacional de Mobilidade por Bicicletas. O BiciRio vai trazer dois palestrantes da Holanda – país exemplo nesta mobilidade.

Pedala, Hans!

Um dos convidados para palestrar é o holandês Hans Nijland, especialista em políticas de transporte sustentável. Deve dar uma pedalada na orla da Zona Sul.

Sem sala vip

Os ministros do STF Teori Zavascki e Luiz Edson Fachin têm almoçado constantemente no ‘bandejão’ da Corte, no térreo, onde se reúnem os servidores.

Ponto Final

Projeto de Cunha para rodar o País e se fortalecer com lideranças locais, a Câmara Itinerante terá um freio. Mas por ora. Depois que a poeira baixar, ele volta à estrada.

 

Com Equipe DF, SP e Nordeste

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *