Início » Brasil » PGR pede ao STF abertura de inquérito contra Renan, Jucá, Sarney e Machado
LAVA JATO

PGR pede ao STF abertura de inquérito contra Renan, Jucá, Sarney e Machado

Pedido de Janot tem como base a delação premiada do ex-diretor da Transpetro Sérgio Machado

PGR pede ao STF abertura de inquérito contra Renan, Jucá, Sarney e Machado
Janot acredita que congressistas queriam aprovar medidas para conter as investigações da Lava Jato (Fonte: Reprodução/Montagem/Agência Senado)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, pediu ao Supremo Tribunal Federal (STF) a abertura de um inquérito para investigar os senadores Renan Calheiros (PMDB-AL) e Romero Jucá (PMDB-RR), o ex-presidente José Sarney (PMDB) e o ex-diretor da Transpetro Sérgio Machado.

O pedido de Janot tem como base a delação premiada de Sérgio Machado. Renan, Jucá, Sarney e Machado são suspeitos de cometerem crime de embaraço às investigações da Operação Lava Jato.

Em uma das conversas gravadas com os envolvidos, Jucá citou um suposto “acordo nacional” para “estancar a sangria”. As gravações foram divulgadas no ano passado.

Em seu pedido, Rodrigo Janot afirma que os acusados “demonstram a motivação de estancar e impedir, o quanto antes, os avanços da Operação Lava Jato em relação a políticos, especialmente do PMDB, do PSDB e do próprio PT, por meio de acordo com o STF e da aprovação de mudanças legislativas”. Ainda de acordo com o PGR, “o objetivo dos congressistas era construir uma ampla base de apoio político para conseguir, pelo menos, aprovar três medidas de alteração do ordenamento jurídico em favor da organização criminosa”.

Renan afirmou, em nota, que não fez nenhum ato para embaraçar qualquer investigação. A defesa de Jucá afirmou, também em nota, que não há preocupação em relação à abertura do inquérito, e que a única ilegalidade “é a gravação realizada pelo senhor Sérgio Machado, que induziu seus interlocutores nas conversas mantidas, além de seu vazamento seletivo”.

O advogado de Sarney disse que a abertura do inquérito é importante para comprovar que o crime foi cometido por Machado, que gravou as conversas. Já a defesa de Sérgio Machado não se manifestou.

O pedido de inquérito será analisado pelo ministro do Supremo Luiz Edson Fachin.

Fontes:
EBC - PGR pede abertura de inquérito contra Renan, Jucá, Sarney e Sérgio Machado

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

1 Opinião

  1. Beraldo disse:

    Imaginava-se que eles e seus asseclas, sempre estiveram com as bocas insaciáveis, grudadas nas tetas dos últimos quatro ou cinco governos centrais.

    O que se revelou aos poucos é que eles próprios, eram as tetas.

    Eles se mamavam…

    O PGR Rodrigo Janot que se cuide, pois no PCB – Primeiro Comando do Brasil, “manda quem pode e obedece quem tem juízo”.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *