Início » Brasil » PGR pede prisão de Joesley, Saud e Miller
POLÍTICA

PGR pede prisão de Joesley, Saud e Miller

Ministro Edson Fachin vai analisar o caso

PGR pede prisão de Joesley, Saud e Miller
Joesley Batista (foto) e Ricardo Saud perderam os benefícios da delação premiada (Foto: Rovena Rosa/Agência Brasil)

Depois do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, anular os benefícios concedidos a Joesley Batista, um dos donos da JBS, e Ricardo Saud, ex-executivo da J&F, a Procuradoria-Geral da República pediu a prisão preventiva dos dois e do ex-procurador Marcello Miller. Agora os pedidos vão ser analisados pelo ministro Edson Fachin, que é o relator do caso. Segundo a defesa de Joesley e Saud, ambos deixaram seus passaportes à disposição da Justiça e pediram para serem ouvidos antes de Fachin tomar uma decisão.

Leia mais: Entenda a polêmica reviravolta na delação da JBS

Miller é suspeito de atuar como investigador na Lava Jato e defender os interesses dos executivos da J&F. Sendo assim acusado de envolvimento com organização criminosa, exploração de prestígio e obstrução de justiça.

A expectativa é que Janot analise o caso ao longo do final de semana antes de tomar uma decisão.

Fontes:
O Globo-Joesley Batista e Ricardo Saud colocam passaportes à disposição da Justiça

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

1 Opinião

  1. laercio disse:

    Sabe que tudo da errado e você conheça a promover mudanças reais? Mudanças são sinônimos de rompimento com velhos costumes, sacrifícios, nova postura.
    O Brasil precisa disso sob todos os aspectos; tal reforma só pode começar, digamos, pulo meio, ou seja, magistrados e políticos já estão viciados em técnicas mas não estão dispostos a aceitar uma nove ética!
    Por outro lado há marginais e um povo que mal conhece o próprio idioma.
    Então temos uma grande maioria que se constitui do povo alfabetizado mas sem grandes habilitações, estes são as melhores chances porque soma a capacidade de assimilar informações e sem o status real que constitui um povo. Nesta parcela se inicia a reforma que deve ser geral…

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *