Início » Brasil » PMDB estuda tornar a se chamar MDB
TROCA DE NOME

PMDB estuda tornar a se chamar MDB

‘Queremos deixar de ser partido e ser um movimento. Ou seja, algo mais forte’, diz o presidente do PMDB, Romero Jucá

PMDB estuda tornar a se chamar MDB
Medida é discutida no momento que membros do partido são alvos da Lava Jato (Foto: ABr/Fábio Pozzebom)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

A Executiva Nacional do PMDB convocou uma reunião para esta quarta-feira, 14, para propor a troca de nome do partido. A ideia é voltar a se chamar MDB (Movimento Democrático Brasileiro), nome da legenda que deu origem ao partido e vigorou de 1966 a 1979.

A proposta é defendida pelo presidente do PMDB, o senador Romero Jucá. Segundo ele, o objetivo é fazer o PMDB (Partido do Movimento Democrático Brasileiro) deixar de ser um partido para se transformar em um movimento. Assim, a legenda estaria livre de referências a partidos políticos.

“Queremos deixar de ser partido e ser um movimento. Ou seja, algo mais forte, algo mais permanente, com uma ação constante. Voltar ser MDB resgata uma tradição, uma história, uma origem, que é muito importante para o povo brasileiro”, disse Jucá.

A proposta é discutida em pleno momento que o PMDB está no centro do escândalo de corrupção investigado pela Operação Lava Jato. Vários parlamentares da legenda foram citados em delações da Odebrecht entre eles, o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), o ex-presidente da Câmara Eduardo Cunha (PMDB-RJ), e membros do alto escalão do governo, como Jucá (PMDB-RR), e o presidente Michel Temer.

Nos bastidores, alguns parlamentares peemedebistas criticam a proposta da troca de nome. Em entrevista ao jornal Valor, um membro da Executiva ironizou a proposta. “A cúpula deveria mudar o nome para MD-OB, de Movimento Democrático Odebrecht”.

O MDB foi o partido que deu origem ao PMDB. Ele foi fundado em 24 de março de 1966, durante o regime militar. No ano anterior, o marechal Castelo Branco, então presidente, publicou o Ato Institucional nº 2, que extinguia os partidos políticos, criando um sistema bipartidário entre a Aliança Renovadora Nacional (Arena), partido base do regime, e o MDB, encarregado da oposição. O MDB foi fundado por remanescentes de partidos extintos, a maioria deles do Partido Trabalhista Brasileiro (PTB) e do Partido Social Democrático (PSD).

Em 20 de dezembro de 1979, o fim do sistema bipartidário levou à extinção do MDB. Em seu lugar, foi fundado o PMDB. A Arena se desintegrou e originou o Partido Democrático Social (PDS), extinto em 1993. O PDT se restaurou e outros partidos como o PT e o PSDB foram criados.

Fontes:
Valor-Em meio a denúncias de corrupção, PMDB quer mudar nome para MDB

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

2 Opiniões

  1. Beraldo disse:

    Os atuais caciques do PMDB deveriam ser enterrados até o pescoço, num aterro sanitário.

    Se o partido mudar de nome, continuarão merecendo.

    A foto que ilustra a matéria fala por si só.

    Caranguejo e Caju!

    Eita!!!

  2. João Direnna disse:

    Caranguejo, Caju, Angorá, Primo, Babel e Índio devem ser alguns dos cabeças (a propósito, quem será o cabeça da organização?) da mudança de nome para ver se o PMDB consegue enganar os eleitores por mais um tempo. Só que do jeito que as coisas estão feias pro partido de Temer, Renan e Caju, ou melhor, Romero Juca, com a Justiça nos pés dos Irmãos Metralha, a tentativa de mudança não surtirá muito efeito prático pois seu fim político está bem próximo.
    João Direnna

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *