Início » Brasil » PMDB ‘independente’ assume presidência da Câmara
Derrota do governo

PMDB ‘independente’ assume presidência da Câmara

Eduardo Cunha foi eleito presidente da Câmara ao derrotar seu principal adversário, o petista Arlindo Chinaglia

PMDB ‘independente’ assume presidência da Câmara
Eduardo Cunha teve o voto de 267 deputados (Fonte: Reprodução/Câmara dos Deputados)

Em eleição realizada neste domingo, 1º, o deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) foi eleito presidente da Câmara dos Deputados ao derrotar seu principal adversário, o petista Arlindo Chinaglia (PT-SP), candidato do Planalto, por 267 votos a 136.

Leia também: Os benefícios do presidente da Câmara

Trata-se de uma amarga derrota para o governo do PT. Apesar de seu partido pertencer à base aliada de Dilma, Eduardo Cunha é um notório crítico do governo e da maneira como o Planalto se relaciona com a Câmara. Foi Cunha quem liderou a “rebelião” da bancada do PMDB em 2014. Além disso, Eduardo Cunha foi eleito presidente da Câmara com apoio da oposição. Em seu discurso de posse, afirmou: “não seremos submissos”.

As principais promessas de campanha de Cunha aos seus pares foram a construção de mais um prédio anexo ao Congresso para acomodar deputados e assessores, equiparar os salários dos deputados aos dos ministros do STF e a votação do orçamento impositivo, que obriga o governo a executar emendas parlamentares estabelecendo o destino de verbas para suas bases (em geral obras e projetos para pequenos e médios municípios).

O novo presidente da Câmara dos Deputados pretende colocar o Projeto de Emenda Constitucional do Orçamento Impositivo em votação já nesta terça-feira, 3.

O PT não apenas foi derrotado na eleição para a presidência da Câmara dos Deputados como também ficou de fora da Mesa Diretora da casa. Nenhum petista ocupará qualquer dos outros seis cargos, das vice-presidências às secretarias, nem sequer uma das quatro suplências.

Além de Eduardo Cunha e Arlindo Chinaglia, concorreram à presidência da Câmara os deputados Júlio Delgado (PSB-MG), que teve 100 votos, e Chico Alencar (PSOL-RJ), que teve 8. Foram registrados ainda dois votos em branco.

Fontes:
Uol - Eduardo Cunha é eleito presidente da Câmara dos Deputados
Uol - Novo presidente da Câmara quer votar orçamento impositivo na terça; PT fica fora da Mesa

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *