Início » Brasil » Política » A geografia do crime no Brasil
Violência

A geografia do crime no Brasil

Maceió é a capital mais violenta do Brasil, assim como Alagoas é o estado mais violento do país

A geografia do crime no Brasil
Cercas elétricas em Maceió (Fonte: Uol)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

Mesmo para os padrões do Nordeste brasileiro, o estado de Alagoas é marcado pela pobreza e extrema desigualdade. Com 107 assassinatos para cada 100 mil habitantes, Maceió é a capital mais violenta do Brasil, assim como Alagoas, com 60 homicídios para cada 100 mil habitantes, é o estado mais violento do país.

Trata-se de um lugar onde se cultiva açúcar e se cria gado, onde os cortadores de cana acertam suas contas com os próprios punhos e facas e os bem-relacionados escapam de punições utilizando assassinos contratados, diz a revista Economist.

Turismo x violência

O turismo oferece as melhores chances de desenvolvimento de Alagoas, mas seu status como a capital do crime do Brasil põe isso em risco. Autoridades, no entanto, tentam salientar que os alagoanos matam uns aos outros, e não quem vem de fora, e que os crimes acontecem nas favelas, e não nos lugares bonitos.

A taxa de assassinatos no Brasil praticamente não se moveu durante a última década, ficando em torno de 26 para cada 100 mil habitantes. Mas, de acordo com o think-tank Instituto Sangari, de São Paulo, a geografia do crime mudou. Em 1998 São Paulo e Rio de Janeiro eram mais violentos do que a média; Alagoas, não.

O estado, com suas dívidas e força policial fraca, corrupta e frequentemente em greve, às vezes esteve perto de virar uma terra sem lei.

Erradicação da pobreza extrema

Mas as coisas estão começando a melhorar em Alagoas. O Banco Mundial, que em 2009 emprestou US$ 195 milhões para estabilizar as finanças e melhorar a gestão do estado, disse que as metas do empréstimo vêm sendo cumpridas. Agora, ambos estão trabalhando em um projeto para erradicar a pobreza extrema.

A Economist ressalta ainda que o mapa da violência no Brasil pode mudar mais uma vez caso o Pará seja mesmo dividido em três. Com isso, Marabá, que se tornaria a capital do novo estado de Carajás, herdaria o título de capital mais violenta do país, no lugar de Maceió.

Fontes:
Economist - Murder in Brazil: Always with us

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

2 Opiniões

  1. João Cirino Gomes disse:

    Vamos acabar a festa do verdadeiro crime organizado, responsável pelo aumento das injustiças sociais da miséria e da violência no Brasil!

    Só criticar e reclamar, não adianta!

    Abaixo-assinado Fim da imunidade e impunidade! Ou voto Nulo, em quem promete, só visando vantagens!

    Para:Senado Federal

    Fim da imunidade e impunidade!Ou voto Nulo, em quem promete visando vantagens!

    ESTE É O PRIMEIRO PASSO PARA TERMOS UM PAÍS DEMOCRATICO, COM DIREITOS IGUAIS E JUSTIÇA SOCIAL!

    E quem quiser ser candidato que seja, pode até mentir, mas se roubar será preso e terá que devolver aos cofres públicos os produtos de suas falcatruas!
    Pois é a oportunidade e impunidade, que esta fazendo o ladrão neste país indiferente de partido,raça,cor ou credo!

    E que adianta criticar generalizando; se os políticos desonestos continuam aprovando leis e emendas só visando seus benefícios?
    Se analisarmos corretamente; somos nós mesmos; “esta população inocente”, que lhes da à chave do cofre e o poder de semi deuses, deixando que desfrutem da lei de imunidade parlamentar!
    “ESTE PROCEDIMENTO” é o mesmo que dar um cheque assinado em branco a um estranho! E quem acaba sem ação, sendo malhados e pagando contas indevidas, são os políticos bem intencionados, se é que ainda existem, os cofres públicos e o povo em geral.
    Mas com boa vontade, poderemos esclarecer boa parte da população!
    Vamos deixar claro< Enquanto houver IMUNIDADE PARLAMENTAR, não haverá justiça social, nem democracia; pois em uma democracia, os direitos são iguais, e sempre predomina a vontade da maioria.
    E com o fim da imunidade, os políticos corruptos pensarão, antes de cometer suas falcatruas!
    A questão é que encontrei este espaço, e buscarei outros, dentro da dita liberdade de imprensa e democracia vigente, para que esta sugestão e abaixo assinado chegue a todos os parlamentares.

    E pretendo divulgar suas opiniões e seus manifestos, "sobre o assunto em pauta", que é de interesse da população! Pois com o fim da imunidade, os que forem pegos com a mão na botija, devem ser julgados por um júri popular. "Já que são homens públicos, e eleitos pelo povo"; devem ser julgados por quem os elegeu, e se condenados, deverão ser responsabilizados por seus atos, e terão que devolver aos cofres públicos o produto das suas falcatruas!
    Não adianta reclamar de políticos corruptos é perda de tempo!
    E como estamos em um país que se diz "DEMOCRATICO", vamos fazer valer nossos direitos, E PEDIR O FIM DA IMUNIDADE PARLAMENTAR!
    VAMOS NOS ORGANIZAR, Pois enquanto houver a oportunidade, todos oportunistas agirão da mesma forma; não tem este nem aquele, sem distinção de partido, raça ou credo! Estes são os fatos verídicos, que realidade vem nos mostrando!…
    Vamos nos prevenir contra a corrupção, e o enriquecimento ilícito!

    É simples:
    Todo cidadão têm o direito de se candidatar, porem deve ser responsabilizado por seus atos!

    Alem do mais, precisamos acabar com as CPI que terminam em festanças, e só aumentam o salário principesco de políticos, que acabam rindo da nossa cara!

    Vamos acabar com as roubalheiras:
    E para isto basta derrubar a MALDITA LEI DE IMUNIDADE!
    Se os políticos não aprovarem, demonstraremos nosso repudio, através do VOTO NULO!

    ESTOU CANSADO DE SER ENGANADO!
    E as escrituras sagradas nos ensinam; que maldito é o homem que confia no homem!

    É claro, políticos honestos e bem intencionados, aprovarão esta medida, ela é justa, e ninguém é obrigado a confiar em eternamente em quem o engana constantemente!

    Só assim conseguiremos passar o país a limpo!

    Aproveito para sugerir que vejam uma pequena lista dos corruptos, os verdadeiros integrantes do crime organizado, responsáveis pelo aumento da violência, criminalidade e miséria no país! http://www.florianonet.com.br/politicoscorruptos/main.html

    Os signatários

    Ajude a divulgar; pois o crime e a maldade só aumentam se as pessoas de bem se acomodarem!

  2. Gabriel Ambrósio disse:

    é preciso mudar, acabar com a pobreza extrema é uma forma de impedir o tráfico, pois pessoas que se envolvem com o tráfico são pobres.!!!

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *