Início » Brasil » Política » Acordo europeu contra crise é insuficiente
FMI

Acordo europeu contra crise é insuficiente

Diretora-geral do FMI disse que acordo franco-alemão anunciado nesta segunda é crucial, mas insuficiente

Acordo europeu contra crise é insuficiente
Christine Lagarde, diretoral-geral do FMI (Fonte: Reprodução/Bloomberg)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

Nesta terça-feira, 6, um dia após o anúncio de um acordo franco-alemão para impor um novo tratado europeu, a diretora-geral do FMI, Christine Lagarde, disse que o acordo é crucial, mas insuficiente frente a uma situação extremamente grave.

Leia também: A Europa nas mãos de Angela Merkel
Leia também: Quem matou a zona do euro?
Leia também: Europa: quem deve quanto e a quem?

“É particularmente apropriado que os líderes europeus, e em particular o presidente Sarkozy [França] e a chanceler Angela Merkel [Alemanha], tenham decidido que as coisas têm que avançar realmente”, afirmou Lagarde.

A diretora-gerente do FMI ressaltou, entretanto, que, embora este “início de compromisso” seja crucial, ele “não é suficiente em si mesmo e será necessário muito mais para abordar de forma apropriada toda a situação e para que se recupere a confiança, não apenas nos mercados, mas também dos investidores, os consumidores, aqueles que têm que fixar suas estratégias para os próximos dois, três, quatro anos, que querem saber onde vão abrir novas fábricas, onde vão investir”.

Fontes:
G1 - FMI considera acordo franco-alemão crucial, mas não suficiente

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *