Início » Brasil » Política » Aécio se apresenta para 2014 ‘contra Lula ou Dilma’
PSDB

Aécio se apresenta para 2014 ‘contra Lula ou Dilma’

Senador foi direto quanto à sua disposição de ser candidato em qualquer hipótese

Aécio se apresenta para 2014 ‘contra Lula ou Dilma’
Aécio Neves no plenário do Senado (Fonte: Reprodução/O Globo)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

O senador Aécio Neves aproveitou um jantar com a bancada de deputados do PSDB para fazer uma manobra ousada dentro do partido, apresentando-se como candidato à presidência da República em 2014.

Leia também: PSDB começa a traçar estratégia para 2014
Leia também: Um reality show chamado PSDB

“Esse não é o momento de candidatura. Precisamos controlar a ansiedade. Mas quando for a hora, contem comigo, seja Lula ou seja Dilma”, disse Aécio, referindo-se à possibilidade de Lula voltar às urnas em 2014 em vez de Dilma disputar a reeleição.

Candidato em qualquer cenário

Setores do PSDB nutriam dúvidas sobre a disposição de Aécio de enfrentar Lula, mas o senador foi direto quanto à sua disposição de ser candidato em qualquer hipótese, e ainda reafirmou: “E se for contra o Lula, vamos em frente”.

O jantar dos deputados do PSDB foi na casa do líder da minoria na Câmara, deputado Paulo Abi-Ackel (PSDB-MG). A presença de 41 dos 53 deputados federais do partido no jantar também foi vista como demonstração de força para uma eventual disputa com o ex-governador José Serra pela candidatura tucana em 2014.

Fontes:
O Globo - Aécio diz estar disposto a disputar eleição em 2014 seja Lula ou Dilma o adversário

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

6 Opiniões

  1. Silvio T Corrêa disse:

    Se for o Aécio e ele não fizer besteira até lá, faço até campanha.

    Silvio T Corrêa

  2. Rosa disse:

    Viva!!!! Até que enfim vamos poder contar com um candidato à Presidencia da República de mais alto gabarito e confiabilidade!!!
    Avante Aécio Neves, precisamos de pessoas como você para recuperarmos o nosso amado País.

  3. helo disse:

    Eduardo Campos, bem sucedido como o Aécio em seu Estado, enterrou seu futuro na política nacional. Na eleição de sua mãe para o TCU mostrou-se frágil, sem senso de ridículo ou limite. Lamentável.

  4. Rogerio Faria disse:

    Só voto nesta figurinha se ele estiver disposto a encarar o bafômetro aqui no Rio de Janeiro. No seu governo a zona da mata mineira, continou o que sempre foi. Miséria, miséria, miséria…

  5. João Direnna disse:

    Por mais prematura que pareça, acho boa a pretensão de Aécio Neves ao lançar seu nome como o ‘novo’, algo importante em matéria de política. Seria uma boa hora para se avaliar, de fato, se a população quer, de volta, quem já mostrou sua capacidade ou se quer algo mais, de outra maneira, sem os erros do passado e sem a obrigação de manter os velhos companheiros.

  6. João Cirino Gomes disse:

    Movimento popular, contra a corrupção e a tirania!
    Tudo muda, mas as águas continuam correndo para o mar; assim como as leis e emendas no Brasil, que continuam só favorecendo os hipócritas, os poderosos e os espertalhões mentirosos!

    Vejam a semelhança entre o sistema escravocrata de antigamente, e a hipocrisia do desgoverno da atualidade!

    Olhem como a história se repete, só mudando os personagens!

    Grande porcentagem na culpa da escravidão provinha da ganância dos reis, ou chefes de algumas tribos, que após as guerrear entre eles, vendiam seus prisioneiros; digo seus semelhantes, aos navios negreiros!

    Notem a semelhança:
    Atualmente, os desgovernos do Brasil, que se dizem representantes do povo, escravizam a população, com as mais altas cargas tributárias do universo, para seu bel prazer! Digo; para se enriquecerem da noite para o dia!
    Manterem seus altos salários e mordomias, perdoarem dívidas, doarem nossos impostos e presentear seus amiguinhos e até os países de primeiro mundo, com a mais nítida intenção de se promoverem e ludibriar a população!
    Não devemos deixar de citar, “as corrupções”, dos três poderes, com vendas de sentenças, que somada aos políticos, se tornam quatro; “uma quadrilha”, que tomou o país de assalto, e como um câncer, vem corroendo as entranhas da pátria, acobertadas pela imunidade e pelo fórum privilegiado!

    A diferença entre a escravidão de antigamente, só muda pelo fato, de que: Hoje ninguém mais é dono de ninguém!

    Mas a maior parte da população é explorada, sobrevive às margens, na miséria e por conta própria, sem distinção de cor, raça, ou credo,

    Desconhecendo seus direitos, pensam que são livres!

    Muitos nem notam, que continuam escravizadas pelo o sistema, e pelas mais altas cargas tributarias do universo!

    Nem sabem que seus impostos deveriam ser revertidos em saúde, educação, segurança e melhorias, e não para bancar mordomias!

    Já esta mais que provado: democracia no Brasil, só existe no papel!

    Baseados em dados reais, nós subscrevemos o abaixo-assinado pelo fim da imunidade, fórum privilegiado e impunidade!

    Ou voto Nulo, em quem promete, só visando vantagens!

    Se estiver de acordo, assine!
    Vamos demonstrar a insatisfação popular!

    Uma andorinha sozinha não faz verão!

    http://www.peticaopublica.com.br/?pi=Janciron
    Liberdade não consiste somente em se livrar das correntes!

    Aos senhores escravocratas, substituir as senzalas convém muito mais, por isso, criaram as reservas indígenas e os currais eleitorais!

    A escravidão e o coronelismo ainda existem e não disfarçam!

    Só não existe, a distinção, da cor, do credo, e da raça!

    Deveriam é mudar o slogan da Bandeira Nacional!

    Ao invés de ordem e progresso; deveria ser: Ordens aos humildes e progresso aos demagogos, hipócritas e poderosos!

    Abra sua boca a favor do mudo, pelo direito de todos que perecem!
    Provérbios Rei Lemuel!

    O cidadão que deseja justiça social!
    Precisa fazer sua parte, divulgando as injustiças!

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *