Início » Brasil » Política » Alemanha pode proibir festas marcadas pelo Facebook
'E-penetras'

Alemanha pode proibir festas marcadas pelo Facebook

Polícia alemã já teve que dissolver vários tumultos em festas superlotadas convocadas pelo Facebook

Alemanha pode proibir festas marcadas pelo Facebook
Festas anunciadas no Facebook vêm gerando tumultos (Fonte: Reprodução/Getty Images)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

Alguns estados alemães consideram a possibilidade de proibir o agendamento de eventos festivos por meio de redes sociais, sobretudo pelo Facebook. O motivo: seguidos incidentes por causa de comparecimento em massa.

“Quando a segurança e a ordem pública são ameaçadas, as convocações de festas através do Facebook devem ser proibidas de antemão”, disse Uwe Schünemann, ministro do Interior do estado da Baixa Saxônia, em entrevista ao jornal Welt am Sonntag.

A polícia alemã já teve que dissolver vários tumultos em festas superlotadas convocadas pelo Facebook. Em uma delas cerca de 1.600 desconhecidos compareceram à festa de aniversário de uma jovem de 16 anos. Tem havido prisões e pessoas feridas por causa dos tumultos.

Fontes:
Veja - Alemães estudam proibir festas organizadas no Facebook

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

1 Opinião

  1. Carlos U. Pozzobon disse:

    Essa é boa. Será que os alemães costumam ir a festa sem ser convidados? Ou convidaram todo o mundo na base do boca-livre? E adianta tentar proibir ? Acho não só o fim da picada tentar proibir, como totalmente inútil em um país democrático como a Alemanha. Ora, quem faz festa tem em mente um número certo de convidados, quando o espaço é privado. Talvez as pessoas não estejam se dando conta de que suas conversas estão sendo lidas por muito mais gente do que imaginam.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *