Início » Brasil » Política » Ataque da OTAN mata filho de Khadafi, dizem rebeldes
Líbia

Ataque da OTAN mata filho de Khadafi, dizem rebeldes

Khamis teria sido morto na cidade de Zlitan. Governo da Líbia desmente informação

Ataque da OTAN mata filho de Khadafi, dizem rebeldes
Khamis é chefe da 32ª Brigada, unidade leal a Khadafi (Reprodução/Internet)

Um novo ataque aéreo da OTAN na cidade de Zlitan, oeste da Líbia, nessa sexta-feira, 5, matou 32 pessoas. Entre as vítimas estaria Khamis, filho mais novo do ditador Muammar Khadafi, de acordo com informações dos rebeldes.

Leia também: ‘Longa vida a Khadafi’, diz Hugo Chávez em pronunciamento

No entanto, o governo libiano desmentiu a informação. Segundo o porta-voz Moussa Ibrahim a notícia da morte de Khamis é para acobertar a matança em Zlitan, e não passa de um simples truque para disfarçar o crime que estão cometendo na cidade. A afirmação de Ibrahim foi divulgada pela agência de noticias Reuters.

Rebeldes, no entanto, teriam confirmado a morte do filho mais novo de Khadafi. De acordo com Mohammad al-Rajali, porta-voz rebelde, Khamis teria sido morto quando lutava ao lado de 33 soldados do governo. A aliança ocidental confirmou o ataque, mas não assegurou a morte do filho do ditador.

Em abril, Saif AL-Arab – também  filho de Muamar Kadafi – e três netos do ditador foram mortos em ataques aéreos.  Khamis, de 27 anos, é chefe da 32ª Brigada, unidade leal a Khadafi. Desde março, a crise na Líbia foi agravada por conta dos ataques da OTAN às principais cidades no país.

Fontes:
O Globo - Rebeldes dizem que ataque aéreo da Otan matou filho de Khadafi, mas Trípoli nega

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

1 Opinião

  1. Marcelo Sommer disse:

    Ele já tinha perdido 2 ou 3 em ataques, há 25 anos… e ainda tem uns 20 na fila, para pagar com a vida as barbaridades do regime do pai… do qual desfrutam.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *