Início » Brasil » Política » Dilma fala em espionagem
Cartões corporativos

Dilma fala em espionagem

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

A ministra da Casa Civil, Dilma Rousseff, se apresentou como a principal vítima da crise gerada pela divulgação do dossiê sobre os gastos corporativos de Fernando Henrique Cardoso, alegando que houve uma "invasão" nos computadores do Palácio do Planalto.

Segundo Dilma, houve montagem das informações contidas no banco de dados organizado no órgão. "Há a possibilidade de um computador da Casa Civil, um bem público, ter sido invadido", afirmou a ministra.

A ministra disse ainda que são maiores as chances de alguém de dentro da Casa Civil ter copiado os arquivos. "Não descartamos nenhuma hipótese."

Fontes:
Folha de S.Paulo - Dilma nega dossiê e cogita até invasão de computador

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

5 Opiniões

  1. Evandro Correia disse:

    É engraçado, a criminosa se fazendo de vítima…

  2. Marcelo de Matos disse:

    A história brasileira das últimas três décadas é marcada pelas notícias e acusações de montagem de dossiês. Quando Aloizio Mercadante candidatou-se ao governo de São Paulo, em 2006, foi acusado de tentar comprar um dossiê contra os tucanos. Houve prisão de petistas em hotel, foto de dinheiro vazada pela polícia federal para a imprensa, etc. O mais glamouroso dos dossiês, porém, parece ter sido a chamada pasta cor-de-rosa, a qual “mostrava uma contribuição de 2,4 milhões de dólares do Banco Econômico, de Ângelo Calmon de Sá, para a campanha de 25 candidatos nas eleições de 1990”. Por ironia da história, um dos beneficiados seria José Agripino Maia, candidato ao governo do Rio Grande do Norte. Maia é hoje o líder do DEM no Senado e o mais fervoroso defensor da convocação da ministra Dilma Roussef para depor na CPI dos cartões corporativos. Acusa a ministra de ter montado um “dossier”. Como o mundo dá voltas!

  3. Ademir disse:

    Esta estória me lembra o que o povo diz: "A raposa tomando conta do galinheiro!"

  4. Markut disse:

    Haverá alguem que ainda acredite nessa gente?
    A soberba e a certeza da impunidade é tanta que se permitem achincalhar a inteligência do público, com a maior desfaçatez e cara de pau.

  5. acreucho disse:

    Ministra Dilma, minha conterrânea, o melhor que se faz quando não se tem o que dizer é ficar calado.
    A senhora está pegando a doença do presidente Lula: falar besteiras.
    Quem iria espionar o seu computador?

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *