Início » Brasil » Política » FHC critica relação de ONGs com o governo
Durante palestra

FHC critica relação de ONGs com o governo

Ex-presidente Fernando Henrique Cardoso definiu como moda para obter dinheiro para a corrupção a relação entre ONGs e governo

FHC critica relação de ONGs com o governo
Ex-presidente, Fernando Henrique Cardoso (Reprodução/Internet)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso criticou o que definiu como “moda de ONGs” que são criadas para “obter dinheiro para a corrupção”. A declaração foi feita nesta segunda-feira, 21,  durante sua palestra no Congresso Brasileiro de Fundações e Entidades de Interesse Social, em São Paulo.

Leia também: Site divulga fotos de Lupi em avião alugado por dono de ONGs
Leia também: Ongs pedem que Dilma não suspenda contratos
Leia também: Governo vai suspender verbas para ONGs

As ONGs foram fomentadoras de escândalos envolvendo dois ministros do governo Dilma Rousseff. Os ex-ministros, Pedro Novais, do Turismo, e Orlando Silva, do Esporte caíram após denúncias de irregularidades relacionadas com instituições não governamentais. Atualmente, o ministro do Trabalho, Carlos Lupi (PDT), também enfrenta acusações de mesma natureza.

De acordo com FHC o terceiro setor deveria ter independência do mercado e do Estado. O ex-presidente disse ainda que a quantidade de escândalos envolvendo ONGs, governos e partidos políticos está prejudicando a imagem das instituições e que é preciso aumentar a fiscalização sobre a prestação de serviços dessas entidades.

Questionado sobre o caso do ministro Carlos Lupi, FHC não quis opinar, porém deu a entender que Lupi deveria renunciar ao cargo: “Acho que os próprios ministros deveriam entender que quando perdem condições de permanência, o gesto de retirada é mais construtivo para eles próprios”, disse.

Resposta a FHC

O ministro-chefe da Secretaria da Presidência da República, Gilberto Carvalho, que assistia à palestra do ex-presidente se pronunciou logo em seguida. De acordo com Carvalho, a criminalização das ONGs é uma “injustiça”. O secretário-geral também exaltou a importância do trabalho das instituições para o Brasil: “Cada centavo do dinheiro público deve ser fiscalizado, mas isso não quer dizer que nós tenhamos que abrir mão dessa relação (com as ONGs)”, decl

Fontes:
Folha.com - Criminalização das ONGs é injustiça, diz Gilberto Carvalho
Folha.com - FHC critica 'moda' de ONGs para obter 'dinheiro para corrupção'

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

2 Opiniões

  1. Marluizo Pires Cruz disse:

    O Brasil é um país onde os candidatos e ex-governo estão sempre se apresentando como conhecedores de proposta e solução para o desenvolvimento e resolver os problemas estruturais básicos dos deveres do Estado.
    Mas ao conseguirem alcançar o Poder, nesse sistema eleitoral através de apoio de grupos nem sempre compromissados com os interesses do país, o governo passa a dar prioridade à sustentação do governo dividindo gestões e recursos sem compromisso com as necessidades de soluções, passando os grupos no governo a ter afinidades com a manutenção do Poder político ou econômico alimentado pelo dinheiro público.

    Importante para o Brasil seria se cada governo resolverse pelo menos um dos deveres fundamentais básico do Estado.

    Quais são os deveres básico do Estado que falta ser resolvido no Brasil?

  2. Luiz Franco disse:

    Arrancar dinheiro público para financiar seu projeto político através de ONGs é uma estratégia conhecida das esquerdas, quando chegam ao poder, já que não contam com a confiança da totalidade do empresariado para fazer isso através de licitações fraudulentas, como fazem os partidos de direita.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *