Início » Notícia » FMI sugere aumento automático da idade para se aposentar
Previdência

FMI sugere aumento automático da idade para se aposentar

Fundo acredita que esta é uma alternativa para os governos vencerem as dificuldades políticas que encontram para aumentar a idade de aposentadoria

FMI sugere aumento automático da idade para se aposentar
FMI debate o aumento da logenvidade (Fonte: Reprodução/BBC)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

Em um evento sobre o impacto financeiro do aumento da longevidade, um alto funcionário do FMI recomendou nesta semana que os países criem um mecanismo para aumentar a idade de aposentadoria automaticamente sempre que a expectativa de vida dos cidadãos aumentar também.

Leia também: Como trabalhadores mais velhos encontram a felicidade
Leia também: Previdência brasileira é uma bomba-relógio

“Isto pode ser um processo difícil do ponto de vista político, mas se houver uma regra que institua uma mudança automática proporcionalmente à longevidade, [os políticos] não teriam de revisitar o tema”, disse o vice-diretor da Divisão de Estabilidade Financeira do FMI, Erik Oppers.

‘Não basta aumentar a idade uma vez e ficamos por isso’

O FMI acredita que esta é uma alternativa para os governos vencerem as dificuldades políticas que encontram para aumentar a idade de aposentadoria. “Não basta aumentar a idade uma vez e ficamos por isso”, afirmou Oppers.

“Compensar os efeitos dos riscos da longevidade requer uma combinação de elevação na idade da aposentadoria [seja estatutária, seja voluntária]; maiores contribuições para planos de aposentadoria e uma redução dos benefícios pagos”, diz um capítulo do Relatório sobre a Estabilidade Financeira Global do FMI que trata do tema do aumento da longevidade.

Fontes:
BBC Brasil - FMI sugere ‘gatilho’ para elevação da idade de aposentadoria

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *