Início » Brasil » Política » Minirreforma já conta com saída de três ministros
Coluna Esplanada

Minirreforma já conta com saída de três ministros

Fernando Haddad (Educação), Iriny Lopes (Mulheres) e Fernando Bezerra (Integração Nacional) vão disputar as prefeituras de São Paulo, Vitória e Recife, respectivamente

Minirreforma já conta com saída de três ministros
Leandro Mazzini é autor e escritor

Siga o colunista no Twitter @leandromazzini

– Brasília –

Apesar da incerteza em Brasília sobre a tradicional minirreforma ministerial na virada do ano, três ministros aparecem na lista do Palácio do Planalto como exonerações certas em janeiro. Fernando Haddad (Educação), Iriny Lopes (Mulheres) e Fernando Bezerra (Integração Nacional) vão disputar as prefeituras de São Paulo, Vitória e Recife, respectivamente. Marta Suplicy pleiteia a vaga de Haddad. O governador Eduardo Campos, presidente do PSB, indicará o sucessor de Bezerra.

Na moita

Eduardo Campos aposta na briga entre o ex, João Paulo, e o atual prefeito, João da Costa, que racham o PT, para tentar emplacar Bezerra e controlar o estado de vez.

Mar bravo

Para o cargo de Iriny haverá solução caseira. Ela vai encontrar mar bravo em Vitória, porque o ex-governador Paulo Hartung, que saiu muito bem avaliado, decidiu disputar.

PRF fará reivindicações

Pelo menos nove regionais da Polícia Rodoviária Federal, motivadas pelo sindicato da categoria, começaram a levantar pautas de reivindicações para apresentar ao Ministério da Justiça. Na lista, mais viaturas, mais postos de fiscalização nas estradas, novo concurso e reajuste salarial. Não há indicação de movimento de greve. Por ora.

Enquanto isso…

Causa revolta entre servidores na Esplanada dos Ministérios. Só o DNIT, alvo de devassa da PF, publicou portaria obrigando que apenas servidores ocupem cargos de direção. Nos outros ministérios, nada. A ANTT continua cabide de políticos.

Decolando

O ministro da Aviação, Wagner Bittencourt, está otimista com o leilão dos aeroportos Guarulhos, Campinas e Brasília. O lance inicial do trio passou de R$ 3 bilhões para R$ 7 bi. Mas acredita que pode encher os cofres com mais de R$ 10 bilhões.

Implicância

Geddel Vieira soltou para o líder do PMDB, Henrique Alves, na festa que o reconduziu ao cargo: “Há quantos anos você é deputado, mesmo?”. Alves está no… 11º mandato.

Festa no Apê

Como de praxe ferveu a festa no apartamento do deputado Fabinho (PV-MG). Reuniu do vice Temer ao ministro Lewandowski, e do alto ao baixo cleros do Congresso.

Fator FHC

Cansado de ouvir piadinha de opositores sobre a faxina de Dilma, o líder do PT, Paulo Teixeira, fez as contas dos oito anos do ex-presidente Fernando Henrique: ele trocou 95 ministros. Mas, cá entre nós, pouquíssimos por suspeitas de corrupção.

Colisão

Depois dos acidentes e problemas com trens, metrô, bondinhos, barcas, o governo do Rio esvaziou a Secretaria de Transporte de Julio Lopes. É a Casa Civil, de Régis Fichtner, quem tem respondido pelo segmento.

A canelada tarda…

Por trás da ira do deputado Romário (PSB-RJ) contra Ricardo Teixeira não estão apenas as denúncias contra o chefão da CBF. O baixinho não perdoa o cartola por ele ter autorizado Zico a dispensá-lo da Copa de 1998, por pequena contusão.

No site

No site da coluna, acompanhe notas extras de Brasília, charges de Aliedo e fotos históricas de Evandro Teixeira. Siga o colunista no Twitter.

Ponto final

“Até Julho creio que o PT estará em peso no Congresso Nacional”

Deputado Paulo Teixeira, líder do PT na Câmara, sobre previsão de atuação da bancada no ano eleitoral de 2012

www.colunaesplanada.com.br . contato@colunaesplanada.com.br

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *