Início » Brasil » Política » Mubarak oferece reforma em vez de renúncia
Egito

Mubarak oferece reforma em vez de renúncia

Governo anunciou a celebração de um acordo com a oposição

Mubarak oferece reforma em vez de renúncia
Hosni Mubarak está há cerca de 30 anos no poder

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

Manifestante pinta o rosto e pede a saída de Mubarak (Fonte: AP)

A organização Irmandade Muçulmana, considerada ilegal no Egito desde 1954, foi recebida neste domingo, 6, pelo vice-presidente do país, Omar Suleiman, em um encontro histórico provocado pelos protestos massivos que os egípcios vêm levando às ruas desde o dia 25 de janeiro.

Após o fim da reunião o governo anunciou a celebração de um acordo com a oposição, no qual estaria previsto o fim do estado de emergência que vigora no país desde os anos 1980, significativas reformas constitucionais, liberdade para os meios de comunicação e a libertação de presos políticos.

Foi proposta a criação de uma comissão que conduzirá as reformas e a “transição pacífica do poder tendo como base a Constituição”.

A Irmandade Muçulmana disse, entretanto, que as reformas propostas pelo governo Mubarak são insuficientes. O prêmio Nobel da Paz Mohamed ElBaradei classificou as negociações entre governo e oposição como “opacas”. Ele não foi convidado para o diálogo.

Leia mais:

Revolta no Egito preocupa Israel

Jornalistas brasileiros retornam do Cairo

Mubarak discute crise com ministros. Obama tem planos para transição

Fontes:
Veja - Oposição egípcia acha insuficiente proposta do governo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

6 Opiniões

  1. João Cirino Gomes disse:

    Grudado nas tetas gordas da nação, igual alguns que já conhecemos!

    Só que ai não tem moleza!

    Nem todo o cidadão é tão pacifico, pacato e cordeiro quanto o brasileiro!

    Mesmo sendo tosquiado, roubado, e constantemente enganado com promessas, pão e circo, este povo aceita submisso a prisão do curral em eleitoral!

  2. Pedro Tavares disse:

    É certo que Hosni Mubarak não quer sair do cargo, mas está mais e mais colocando o rabo entre as pernas. Ele deseja uma saída “honrosa” mudando todo o ministério e dialogando com a oposição. Resta saber o que é melhor para o Egito:
    • Derrubar Hosni Mubarak em um golpe, uma solução traumática, que vai implicar em um governo de oposição ilegal ainda que seja temporario(até as eleições). Pode significar um “julgamento” dos crimes políticos do atual governo, possivelmente com a condenação a uma pena capital do alto escalão do governo.

    OU

    • Fazer uma transição negociada, como se fez no Brasil, com o fim da ditadura, significando impunidade para o governo de Hosni Mubarak e levantando suspeitas sobre a oposição.

    Opinião pessoal:
    Eu sou pela derrubada de Hosni Mubarak aliada a um julgamento pelo Tribunal de Haia de Hosni Mubarak e seus comandados, dando lisura ao golpe. Claro que devem-se convocar eleições imediatas e fazer uma grande reforma constitucional após isso.

  3. rubens itaipu disse:

    obama, se sentiu traído, pois a cia não lhe comunicou a insatisfação do povo.
    mubarak, manda a família para londres com ouro e dolar.
    o que é que falta para o eua, encerrar seu plano diabólico, de tranformar o Egito num point de Agito, deles.

  4. Markut disse:

    Opacas é o mínimo. Talvez malandras e mal intencionadas, de quem não se dispõe a largar o osso.Já viram o macho alfa da manada abdicar da liderança, ainda mais numa cultura caudilhesca, por excelência?
    Nessa parte do mundo, democracia mesmo, só em Israel, desde que o paroxismo extremista não contamine tambem esse país.

  5. almeida disse:

    É vergonhoso em pleno século XXI e ainda existem ditadores a cobertado pelo imperio do mal, que são os colonizadores os feudais essa grande linhagens de mentes satanicas antescristão ainda espalhadas pelo mundo do Capitalismo selvagem, querendo introduzir seus instintos perversos sobre as massas menos esclarecidas com regimes de mordaças, enganatorio.Vamos revolucionar o mundo da informatica em beneficio aos mais necessitados jovens irmãos Egípcios não desista da luta contem com as mentes Democraticas espalhas no nosso mundo.

  6. Manassés Alves disse:

    Diante das atitudes do Presidente e as manifestações populares, o Presidente é imprudente, negligente e irresponsável, já devia ter saido, a bem de todos e felicidade de toda a Nação.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *