Início » Brasil » Política » Republicanos e democratas acertam redução fiscal
BBC

Republicanos e democratas acertam redução fiscal

Acordo, que deverá atingir os salários de cerca de 160 milhões de trabalhadores americanos, será o fim de impasse entre Barack Obama e a oposição

Republicanos e democratas acertam redução fiscal
Acordo pode ser visto como uma vitória política de Obama

O chefe da Câmara dos Representantes americana (equivalente à Câmara dos Deputados), John Boehner, anunciou na noite desta quinta-feira, 22, que concorda em votar um acordo bipartidário para estender a redução de impostos sobre as folhas de pagamento do país.

Os republicanos da Câmara haviam se recusado a votar a proposta, que passou por republicanos e democratas no Senado no último sábado.

O fim da redução dos impostos deveria acontecer no dia 31 de dezembro, atingindo os salários de cerca de 160 milhões de trabalhadores americanos.

Se a proposta de manter a redução por mais dois meses passar também pela Câmara dos Representantes, pode ser o fim de um sério impasse entre o presidente Barack Obama e os republicanos. Em pronunciamento, Obama comemorou o acordo dos líderes políticos do Congresso, dizendo que eram “boas notícias para as famílias trabalhadoras americanas” e que decisão fortaleceria o crescimento e criaria novos empregos.

Ao contrário de outros impasses relacionados ao orçamento americano neste ano, a disputa sobre a redução de impostos expôs divisões dentro do partido republicano.

No início desta quinta-feira, o líder da minoria republicana no Senado Mitch McConnel pediu que seus colegas da Câmara aprovassem a medida.

Parlamentares da ala mais conservadora do partido estavam inicialmente céticos a respeito da extensão do corte nos juros, que economistas dizem que pode ajudar a recuperação econômica do país. Mas os democratas os acusaram de apoiarem a redução de impostos somente para os americanos mais ricos.

Fontes:
BBC - Republicanos concordam em votar medida que prolonga redução de impostos nos EUA

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

1 Opinião

  1. JULIO SPÍNOLA disse:

    AUMENTO DA ARRECADAÇÃO VIA AUMENTO DE CONSUMO PELO AUMENTO DA MASSA SALARIAL.
    Vem aí um novo New Deal?

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *