article image
Eleitor deve escolher dois senadores
Eleições 2010

Senadores: quantos o eleitor vai escolher?

Entre as atribuições do cargo – além de suas funções legislativas – o senador pode processar e julgar o presidente da República. Por Claudio Carneiro

fonte | A A A

O brasileiro tem o curioso hábito de reclamar da classe política mas tem o estranho vício de – ele mesmo – eleger aqueles dos quais se queixará no futuro. Bem que podia fazer diferente desta vez. Afinal, além do presidente, o eleitor vai escolher em outubro seu governador, senadores, deputado federal e deputado estadual. Senadores no plural, uma vez que, dois serão os eleitos em cada um dos 26 estados e também no Distrito Federal.

Os dois mais votados irão direto para a cúpula côncava (a virada para baixo) do Congresso Nacional. Mas a pergunta é: votaremos em dois candidatos ou somente em um? Se fizer uma rápida consulta aos amigos, o leitor vai perceber que menos de 30% deles saberão a resposta certa. Para esclarecer essa e outras dúvidas, pode-se ligar para o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) em Brasília – (61) 3316-3000. O serviço funciona bem e o consulente receberá a resposta por e-mail poucos minutos depois. Outra opção seria ler a resolução nº 22.295 do mesmo órgão, assinada pelo ministro Ayres Britto que diz: A urna exibirá ao eleitor, primeiramente, os painéis referentes às eleições proporcionais; em seguida, os referentes às eleições majoritárias; e, ao final, o referente à composição de todos os votos, na seguinte ordem:

- deputado estadual ou distrital (Castro Alves no modelo simulado);

- deputado federal (Carlos Drummond de Andrade – lá grafado com um “M” só);

- senador primeira vaga (Cazuza);

- senador segunda vaga (Elis Regina);

- governador de estado ou do Distrito Federal (Monteiro Lobato);

- presidente da República (Vinicius de Moraes);

- quadro-resumo da votação e tecla verde para confirmar ou laranja para reiniciar.

Enquanto escolhe seus senadores, o eleitor verá também as fotos e nomes dos dois suplentes de cada um deles. O mesmo acontecerá com os candidatos a vice-presidente e vice-governador. Para cada um dos votos registrados será necessário apertar a tecla verde para confirmar. Este ato não será definitivo mas deixará a salvo o voto até sua confirmação final após a exibição do quadro-resumo. Em caso de algum engano, a tecla laranja reiniciará o processo que somente será concluído após a confirmação final. O mecanismo não permite que se escolha duas vezes o mesmo candidato. Isso anularia o segundo voto.

Mas, afinal, o que faz um senador? Entre as atribuições do cargo – além de suas funções legislativas – o senador pode processar e julgar o presidente da República, seu vice, ministros do Supremo, ministros de estado, comandantes das Forças Armadas entre outros cargos. Os senadores escolhem ainda ministros do Tribunal de Contas da União, diretores do Banco Central, procuradores da República entre outras responsabilidades e, ainda, autorizam operações financeiras e investimentos em seus estados de origem – esta a prerrogativa mais alardeada durante a campanha.

A voz do povo mais afinada

Os votos dos quase 136 milhões de eleitores vão escolher, entre 274 candidatos, os 54 novos ocupantes daquela Casa – dois terços do total. Outros 27 – para totalizar os 81 senhores com mais de 35 anos do Senado – terminam seus mandatos somente em 2014 quando um terço do senado será escolhido. São Paulo tem o maior número de postulantes: são 18. O dado curioso vem agora: Sergipe, o menor estado brasileiro, tem 14. Dá um candidato para cada 87 km². Rio Grande do Norte e Piauí aparecem com 13. Em seguida, Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Maranhão têm 12. Com 11 aparecem Rio de Janeiro, Pernambuco e Bahia. São seis estados do Nordeste entre os onze com mais candidatos.

Com 186 anos de existência – foi criado em 1824 – o Senado pode abrigar numa única legislatura, astros de nossa música como o cantor gospel Waguinho – pelo Rio de Janeiro – que integrou o grupo “Os Morenos”, Netinho – por São Paulo – que foi do “Negritude Junior” – e ainda o cantor sertanejo Renner – por Goiás – da dupla “Rick e Renner”. Pretendem ser a voz do povo pelos próximos oito anos.

Assim como o TSE, o Senado também dispõe de um serviço de atendimento – o Alô Senado – para informações e mensagens. A ligação é grátis: 0800-612211. O serviço começa com uma inevitável gravação mas, em seguida, o atendimento é feito por um funcionário bem treinado.

Leia mais:

Conheça os deveres de um presidente

Afinal, o que faz um governador?

Mais de 500 deputados federais representam uma multidão de eleitores

A representatividade de um deputado estadual

De volta ao topo comentários: (11)

Sua Opinião

Nome (obrigatório)

E-mail (obrigatório)

Estado

Cidade

  1. wilson josé damsceno disse:

    sou eleitor de são paulo.pergunto?posso votar em um senador de outro estado?

  2. Brasil com "S" disse:

    Sim. É verdade. Pobre povo brasileiro. Mas muito mais pobre está se tornando um de nossos maiores tesouros: a lingua portuguesa.
    Porque o seu povo além de não “encherguar” um palmo do nariz, também não está sabendo enxergar que precisamos cuidar com carinho de nossa lingua pátria, para que – enfim – possamos almejar uma identidade sólida para nossa pátria.

  3. VERA LÚCIA DOS SANTOS BRAZ disse:

    GOSTARIA QUE NO BRASIL,FOSSE IGUAL A SUECIA,QUERIA VER SER HAVERIA TANTO CANDITADOS PARA OCUPAR CARGO SEM PAGAMENTO É SEM MODORMIA.VERA BRAZ………….

  4. mauricio disse:

    Sergipe, o menor estado brasileiro, tem 14. Dá um candidato para cada 87 km². Rio Grande do Norte e Piauí aparecem com 13. Em seguida, Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Maranhão têm 12. Com 11 aparecem Rio de Janeiro, Pernambuco e Bahia. São seis estados do Nordeste entre os onze com mais candidatos.isto demontra a irresponsabilidade do eleitor em trocar seu voto por uma camisa ou uma cesta basica,lutamos por DIRETAS JÁ pra que? se não sabemos votar.brasileiro tem memoria curta.

  5. wilson nogueira disse:

    no passado ouvi o nosso presidente falar de um instrumento rudimentar, chamado picareta para comparar com alguns politicos no congresso. esta me parecendo que os numeros desta eleicao vai almentar, os picaretas. pobre povo brasileiro, nao enchergua um palmo do nariz.

  6. Pirre Krauss disse:

    Em 2009, o salário base de um senador era R$ 16.500, com benefícios não podia ultrapassar os R$ 24.500. É um ótimo salário, mas menor do que ganham diretores de grandes empresas no Rio e em SP, por exemplo. Então, de onde vem a riqueza que os senadores acumulam em oito anos de mandato? … :O

  7. zerivaldo Maia disse:

    Senadores, que poder hen? Pode até processar o Presidente da República. Deveriam utilizar muito bem do “Poder” fazendo valer e colocar pra fora do Senado aqueles (todos), que não condizem com a função que exerce. É para isso que os elegemos. Façam valer o poder que os delegamos nas urnas.

  8. Jamenson Guedes Araujo disse:

    O Que vejo quando acesso a TV Senado é uma rasgação de seda dos diabos,o pessoal gosta de falar muito e tome elogios para lá e para cá e vamos embora,tem um tal senador medico chamado de mão santa que realmente enjoa o pior de todos é o cara de pau chamado Color de Melo aquele cara devia se tocar e nunca mais falar de pólitica foi um desastre terrivel para o Brasil com seu chefe de Gang PC Farias morto logo depois de sua renuncia,é para se ver que o povão ou não tem memoria ou venderam seu voto.

  9. andre becker(Santos/SP) disse:

    eu liguei lá
    o funcionario ou melhor foi uma moça , se eu tivesse uma empresa de vendas por telefone ele seria a primeira que iria querer trabalhando para mim, a moça é desembaraçada, rapida, muito clara em todas as informações resumo ate é bonito se falar com alguem assim principalmente no serviço publico.

    gente ate parece que criaram um curso de pós doutora , magistrado e phd para telefonistas a moça sabe responder todas as questoes e nao deixa voce conduzir a conversa para seu quintal, parabens ao pessoal la de cima voces se superaram em dar golpe no povão…

  10. José Antonio Alves disse:

    Qual é o salario deste funcionario “bem treinado” para estes atendimentos, já que os salarios do senado são atronomicos, tipo motorista de senador ganhar R$ 25.000,00 (vinte e cinco mil reais) ?

  11. helio(rio de janeiro) disse:

    Alguém já ligou para o Senado? O funcionário é bem treinado para ficar livre das inúteis reclamações? Acho que não arrependo dos meus votos. Traição só tive do Lula. Tão amigo e tão sorridente na transição pacífica, para depois ser tão malagradecido.