Início » Brasil » Política » Senadores querem mudar Conselho de Ética
Crise

Senadores querem mudar Conselho de Ética

Senadores querem mudar Conselho de Ética
Plenário do Senado

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

A oposição deve encaminhar ainda nesta semana uma proposta para reestruturação do Conselho de Ética do Senado. A medida é reflexo da crise pela qual passa a instituição e da decisão do ministro Eros Grau, do Supremo Tribunal Federal, de negar a reabertura dos processos contra José Sarney.

Entre as medidas propostas pelos senadores está o fim dos suplentes, que agora só assumiriam no caso de morte ou renúncia do eleito. Outra mudança seria no número de representantes: um para cada legenda.

O presidente do Senado, José Sarney, no entanto, deve entrar com uma proposta de emenda constitucional para extinguir o Conselho de Ética. A responsabilidade por julgar os senadores passaria ao STF. A medida efetivamente acabaria com o direito dos partidos de entrar com representação por quebra de decoro. A decisão caberia apenas às Mesas Diretoras.

Fontes:
Folha de São Paulo - Após decisão do STF, aliados de Sarney apostam no fim da crise no Senado

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

1 Opinião

  1. Heráclito Fraco disse:

    É o fim da ética. Ou melhor, ela já acabou há tempos, agora querem apenas oficializar isso.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *