Início » Notícia » Síria anuncia anistia a detidos durante protestos
Primavera Árabe

Síria anuncia anistia a detidos durante protestos

Medida faz parte do acordo entre o regime sírio e a Liga Árabe

Síria anuncia anistia a detidos durante protestos
Presidente sírio, Bashar al-Assad (Fonte: Reprodução/AFP)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

A agência oficial síria Sana informou que o presidente do país, Bashar al-Assad, publicou um decreto neste domingo, 15, concedendo anistia a todos os que foram detidos durante os protestos contra o seu regime desde o dia 15 de março do ano passado.

Leia também: Revéillon sangrento na Síria
Leia também: ‘Nada assustador’, declara chefe da Liga Árabe sobre missão na Síria

Serão beneficiados os detidos por violações à lei de manifestação pacífica, de posse de arma e munição sem autorização, além de “fuga interior e exterior”.

Os acusados foragidos da Justiça síria que se entregarem até o dia 31 de janeiro também serão beneficiados pelo decreto.

Violência continua

Bashar al-Assad anunciou recentemente outros decretos de anistia parcial, o que não interrompeu, entretanto, a violenta repressão às manifestações, que vem sendo responsável por dezenas de mortes por dia na Síria.

A anistia geral a todos os detidos por causa dos protestos faz parte do acordo entre o regime sírio e a Liga Árabe.

Fontes:
Veja - Síria anuncia anistia geral para os detidos pelos protestos

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

2 Opiniões

  1. Thomas Korontai disse:

    Será que eles anistiarão os milhares de mortos também?

  2. Carlos U. Pozzobon disse:

    A agonia síria continua, com o governo cada vez mais acuado e perdendo espaço político no cenário da guerra civil. Acho paradoxal que não exista até agora nenhum apoio logístico maior para os rebeldes.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *