Início » Brasil » Prazo para declarar o IR começa nesta quinta
RECEITA FEDERAL

Prazo para declarar o IR começa nesta quinta

Restituições começam em junho e seguem até dezembro

Prazo para declarar o IR começa nesta quinta
Prazo vai até o dia 28 de abril (Fonte: Reprodução/Agência Brasil)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

A partir das 8h desta quinta-feira, 2, os contribuintes já podem entregar a declaração do Imposto de Renda Pessoa Física 2017. O prazo vai até o dia 28 de abril.

A declaração é obrigatória para o contribuinte que recebeu rendimentos tributáveis acima de R$ 28.559,70 no ano passado. O valor aumentou 1,54% em relação a 2016, quando somou R$ 28.123,91 (relativos ao ano-base 2015).

O contribuinte que optar pelo desconto simplificado renuncia a todas as deduções permitidas na legislação tributária em troca de uma dedução de 20% do valor dos rendimentos tributáveis, limitada a R$ 16.754,34.

A declaração do IRPF também é obrigatória para os contribuintes que receberam rendimentos isentos, não-tributáveis ou tributados exclusivamente na fonte, cuja soma tenha ultrapassado R$ 40 mil em 2016; para os contribuintes que obtiveram ganho de capital na alienação de bens ou direitos, sujeito à incidência do imposto, ou realizou operações em bolsas de valores, de mercadorias, de futuros e assemelhadas; para os contribuintes que tiveram receita bruta superior a R$ 142.798,50 em atividade rural em 2016; para os contribuintes que tinham, em 31 de dezembro, a posse ou a propriedade de bens ou direitos, inclusive terra nua, de valor total superior a R$ 300 mil; e ainda para quem se tornou residente no Brasil no ano passado e se encontrava nessa condição em 31 de dezembro.

A declaração do IRPF pode ser feita pela internet, no Receitanet, ou pelo serviço “Fazer Declaração”, disponível para tablets e smartphones.

Os primeiros a enviarem a declaração, sem erros, omissões ou inconsistências, também receberão as restituições mais cedo. Idosos, portadores de doença grave e deficientes físicos ou mentais têm prioridade. As restituições começam em junho e seguem até dezembro.

O contribuinte que tiver imposto a pagar poderá dividi-lo em até oito cotas mensais (superiores a R$ 50). No caso de imposto a pagar inferior a R$ 100, o contribuinte deverá quitá-lo em cota única.

Quem não fizer a declaração no prazo terá que pagar multa de, pelo menos, R$ 165,74.

Fontes:
G1 - Receita começa hoje a receber declaração do Imposto de Renda 2017; veja quem deve declarar

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *