Início » Brasil » Presidenciáveis buscam votos no Norte e Nordeste
ELEIÇÕES 2018

Presidenciáveis buscam votos no Norte e Nordeste

No 1º fim de semana de campanha eleitoral, presidenciáveis buscam ampliar presença nas regiões, enquanto Haddad tenta contornar a ausência de Lula

Presidenciáveis buscam votos no Norte e Nordeste
Candidatos disputam votos de Lula, que tenta consolidar sua presença (Foto: Fabio Pozzebom/ABr)

As regiões Norte e Nordeste do país foram as grandes cobiçadas por presidenciáveis no primeiro fim de semana de campanha eleitoral. Três dos principais candidatos ao Planalto visitaram estados da região neste fim de semana.

Candidato pelo PSDB, Geraldo Alckmin visitou no último sábado, 18, o distrito de Alter do Chão, no Pará. Apelidada de “Caribe Amazônico”, a região é conhecida pelo clima rústico e por suas belas praias banhadas pelo Rio Tapajós. Em sua visita, Alckmin destacou o potencial turístico da região e se comprometeu a expandi-lo por meio do investimento em infraestrutura.

Também no sábado, o ex-governador do Ceará, Ciro Gomes (PDT) esteve na capital Fortaleza, para participar da inauguração do comitê do deputado federal André Figueiredo, presidente do PDT. No mesmo evento, foi lançada a candidatura do irmão de Ciro, Cid Gomes (PDT-CE), ao senado. Assim como Ciro, Cid também é ex-governador do Ceará, tendo governado o estado entre 2007 e 2015.

Outro que visitou o Nordeste foi o ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad (PT), vice-presidente na chapa de Lula, que na semana passada registrou sua candidatura à presidência da República pelo PT. A participação de Lula no pleito, no entanto, ainda necessita do aval do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que tem até o dia 17 de setembro para julgar a questão.

Na última sexta-feira, 17, Haddad viajou para o Piauí, para participar do lançamento da campanha de Wellington Dias (PT-PI), governador do estado que tenta a reeleição este ano. Em seguida, Haddad inicia uma turnê que passará por cinco estados do Nordeste: Bahia, Sergipe, Paraíba, Rio Grande do Norte e Maranhão.

A ideia do PT é consolidar o forte apoio que Lula tem na região. O ex-presidente lidera com folga toas as pesquisas de intenção de voto feitas no Nordeste. Segundo uma pesquisa divulgada em junho deste ano, pela CNI/Ibope, 54% dos entrevistados na região afirmaram que votariam em Lula. No Ceará de Ciro Gomes, por exemplo, Lula aparece na frente, com 56% das intenções de votos, segundo uma pesquisa Ibope divulgada na última sexta-feira, 17. Sem Lula na disputa, Ciro assume a liderança no estado, com 39% das intenções de voto.

Se por um lado Lula tenta consolidar sua liderança no Nordeste, por outro presidenciáveis buscam cooptar os votos de Lula, caso ele fique fora da disputa, motivo pelo qual a região foi escolhida no primeiro fim de semana de campanha.

A presidenciável Marina Silva (Rede) também incluiu o Norte e o Nordeste em sua agenda. No último sábado, ela esteve em Macapá (AP) para participar do lançamento da campanha do senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), que tenta a reeleição este ano. Nesta segunda-feira, 20, Marina segue viagem pelo Nordeste, para participar de eventos em Fortaleza e Recife.

Dois presidenciáveis que não visitaram o Norte ou o Nordeste foram Henrique Meirelles (MDB) e Jair Bolsonaro (PSL). No fim de semana, Meirelles participou de um comício em Ribeirão Preto (SP) e passou por Barretos. Já Bolsonaro esteve em Resende, sul do estado do Rio de Janeiro, onde participou de uma cerimônia de entrega de espadins a cadetes em formatura na Academia Militar das Agulhas Negras.

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

1 Opinião

  1. Pedro Caldas disse:

    Alckmin é preparadissimo, sem duvida ele tem as melhores soluções pro Brasil!

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *