Início » Brasil » Procuradoria denuncia Bolsonaro por incitar prática do estupro
Polêmica

Procuradoria denuncia Bolsonaro por incitar prática do estupro

Parlamentar disse recentemente que não estupraria a deputada Maria do Rosário porque ela 'não merece'

Procuradoria denuncia Bolsonaro por incitar prática do estupro
Caso o STF aceite a denúncia, poderá ser aberta ação penal contra Bolsonaro (Fonte: Reprodução/Agência Câmara)

A vice-procuradora-geral da República, Ela Wiecko, apresentou denúncia no STF contra o deputado Jair Bolsonaro (PP-RJ) por entender que o parlamentar incitou a prática do estupro.

Leia também: Bolsonaro, o estuprador?

A denúncia se refere a declarações de Bolsonaro sobre a deputada Maria do Rosário (PT-RS). O parlamentar disse recentemente que não a estupraria porque ela “não merece”.

O ministro Luiz Fux deve analisar o episódio e decidir se a denúncia será aceita. Neste caso, poderá ser aberta ação penal contra o parlamentar, que, caso condenado, pode receber pena de 3 a 6 meses de prisão, mais multa.

A vice-procuradora Ela Wiecko concluiu que, “ao dizer que não estupraria a deputada porque ela não ‘merece’, o denunciado instigou, com suas palavras, que um homem pode estuprar uma mulher que escolha e que ele entenda ser merecedora do estupro”.

Ainda de acordo com Ela Wiecko, Bolsonaro “abalou a sensação coletiva de segurança e tranquilidade, garantida pela ordem jurídica a todas as mulheres, de que não serão vítimas de estupro porque tal prática é coibida pela legislação penal”.

Fontes:
G1 - Procuradoria vê incitação ao estupro e denuncia Bolsonaro ao STF

1 Opinião

  1. Fernando disse:

    É bom assistir todo o vídeo que está no YouTube, asim pode ser explicado porque o insulto

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *