Início » Brasil » Rosa Weber sugere cooperação entre União e Roraima
IMIGRAÇÃO VENEZUELANA

Rosa Weber sugere cooperação entre União e Roraima

Ministra do STF dá 30 dias para a União se manifestar sobre ação de Roraima que pede fechamento da fronteira do estado com a Venezuela

Rosa Weber sugere cooperação entre União e Roraima
Ministra pede por diálogo e cooperação entre as partes para superar a crise (Foto: Fellipe Sampaio/SCO/STF)

A ministra Rosa Weber, do Supremo Tribunal Federal (STF), deu à União um prazo de 30 dias para que se manifeste em relação à ação na qual o estado de Roraima solicita ao tribunal o fechamento temporário de sua fronteira com a Venezuela.

A ação foi protocolada na última sexta-feira, 13. Além do fechamento da fronteira, Roraima solicita um repasse de verba adicional da União para suprir os custos do estado com a imigração venezuelana.

Segundo o texto da ação, assinado pela governadora de Roraima, Suely Campos (PP-RR), a “crise econômica, política e social da República Bolivariana da Venezuela ensejou uma verdadeira explosão no fluxo migratório”. O texto afirma que Roraima está suportando os custos e prejuízos da imigração sem ajuda da União. O fechamento da fronteira foi considerado fora de questão pelo presidente Michel Temer.

Em sua decisão, a ministra Rosa Weber pediu por diálogo e cooperação entre a União e o estado. “Enfatize-se a imprescindibilidade do diálogo e da cooperação institucionais para a solução dos conflitos que envolvem as unidades federativas. Findo o prazo retornem-me os autos conclusos para apreciação do pedido de tutela de urgência”, concluiu a ministra.

 

Leia mais: Roraima solicita ao STF fechamento da fronteira com a Venezuela

Fontes:
Estadão-Rosa dá 30 dias para União se manifestar sobre fronteira com a Venezuela

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *