Início » Brasil » São Paulo tem surto de hepatite A
SAÚDE

São Paulo tem surto de hepatite A

Até setembro, já foram registrados 517 casos na capital paulista

São Paulo tem surto de hepatite A
O vírus se replica no fígado e é excretado pelas fezes (Foto: EBC)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

A cidade de São Paulo está passando por um surto de hepatite A. Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, 517 casos foram registrados este ano até o dia 16 de setembro. No mesmo período do ano passado, foram apenas 54 casos. Até agora, apenas dois casos resultaram em óbito, enquanto quatro pacientes tiveram de entrar na fila de transplante de fígado por causa do agravamento da doença.

A hepatite A pode causar febre, mal-estar, náusea, vômito, desconforto abdominal, urina escura, fezes esbranquiçadas, dores articulares, além de icterícia. O vírus se replica no fígado e é excretado pelas fezes. Sendo assim, sua transmissão é fecal-oral, mas também pode ocorrer em práticas sexuais quando há contato anal-oral. A água e os alimentos contaminados são a principal forma de contaminação.

Segundo a médica Geraldine Madalosso, da Divisão de Vigilância Epidemiológica da Secretaria de Saúde, o aumento nos casos de hepatite A na capital paulista segue a tendência da América do Norte e da Europa. Para Madalosso, a entrada de mais estrangeiros na cidade pode ter relação com o surto da doença. O aumento do número de casos começou a ser percebido em abril, já o pico ocorreu em julho. No Sistema Único de Saúde (SUS), a vacina contra a doença é para crianças de até 4 anos, 11 meses e 29 dias.

Fontes:
Folha de S.Paulo-São Paulo tem surto de hepatite A e já registra 517 vítimas até setembro

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *