Início » Brasil » Senado ignora STF e mantém Renan no comando
REVIRAVOLTA

Senado ignora STF e mantém Renan no comando

Mesa Diretora do Senado opta por manter Renan na presidência da Casa até que ocorra a deliberação final do STF sobre o afastamento do senador

Senado ignora STF e mantém Renan no comando
Oficial de Justiça esperou por seis horas, sem sucesso, para entregar a liminar (Foto: EBC)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

A Mesa Diretora do Senado decidiu nesta terça-feira, 6, não cumprir a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) e manter Renan Calheiros (PMDB-AL) na presidência da Casa.

A decisão do STF foi emitida na última segunda-feira, 5, pelo ministro Marco Aurélio de Mello. Porém, durante uma reunião entre Renan e membros da Mesa Diretora, os senadores decidiram não cumprir a liminar do STF e aguardar a deliberação final do órgão sobre a medida, prevista para a próxima quarta-feira, 7.

Os senadores divulgaram um documento com a decisão assinado por todos os integrantes da cúpula do Senado, incluindo Jorge Viana (PT-CE), primeiro-vice-presidente do Senado, que assumirá o comando da Casa se, de fato, Renan for afastado.

O oficial de Justiça que ficou encarregado de entregar a liminar do ministro Marco Aurélio de Mello aguardou seis horas, sem sucesso, para entregar a notificação. Segundo os senadores, Renan tem respaldo jurídico para não assinar a notificação.

Fontes:
G1-Senado decide descumprir liminar para afastar Renan e aguardar plenário do STF

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

1 Opinião

  1. Ludwig Von Drake disse:

    Sem adentrar ao mérito (como gostam de falar os juristas), e a depender do que decidirem os juízes, abre-se um forte precedente: agora as decisões monocráticas não precisam ser cumpridas antes que o pleno se manifeste sobre elas.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *