Início » Brasil » Senado inicia 2º turno da votação da PEC dos Gastos
CORTE DE DESPESAS

Senado inicia 2º turno da votação da PEC dos Gastos

O presidente do Senado, Renan Calheiros, iniciou a sessão deliberativa. Projeto precisa de pelo menos três quintos dos votos para seguir para o Congresso

Senado inicia 2º turno da votação da PEC dos Gastos
Para Renan Calheiros, a votação da PEC será 'tranquila' (Foto: Pedro França / Agência Senado)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

O presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), iniciou nesta terça-feira, 13, a sessão da Casa para votação em segundo turno da Proposta de Emenda Constitucional (PEC) 55/241, conhecida como PEC dos Gastos, que estabelece um limite de gastos públicos para os próximos 20 anos. Para Renan, a votação será “tranquila”.

Nesta votação não caberá mais a apresentação de destaques que possam mudar o texto aprovado em primeiro turno. No entanto, senadores da oposição reclamam que as sessões para discutir o tema não foram devidamente realizadas na semana passada, quando o presidente da Casa quebrou prazos e realizou três sessões no mesmo dia. Com isso, a oposição apresentará requerimentos para impedir a votação.

A PEC, que foi aprovada em primeiro turno por 61 votos a favor e 14 contra, precisa de pelo menos três quintos dos votos dos senadores (49 dos 81) para que siga para promulgação do Congresso Nacional.

Outras pautas

Além da votação da PEC dos Gastos, outras medidas de grande impacto serão votadas na sessão desta terça-feira. Na lista, está a votação de um projeto de lei da securitização das dívidas, que permite à União, estados e municípios venderem créditos que têm a receber de contribuintes ao mercado financeiro.

Também estão agendadas para hoje a votação do turno suplementar do projeto de reforma da Lei de Licitações, a regulamentação dos jogos de azar, propostas da comissão do extrateto e a atualização da lei sobre crimes de abuso de autoridade.

Fontes:
Congresso em Foco-Ao vivo: acompanhe a sessão plenária do Senado que discute agora a PEC do Teto de Gastos
O Globo-Renan abre a sessão para a votação da PEC do teto de gastos
Valor Econômico-Além de PEC do teto, Renan pauta série de medidas de grande impacto

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

1 Opinião

  1. Fábio Rossano Gugik. disse:

    MAIS UMA DAS MUITAS E MUITAS VERGONHAS DE INTERESSE POLÍTICO PARTIDÁRIO DESTE GOVERNO CORRUPTO, E SEUS SUB SEQUENTES DESMERECIDOS PRESTÍGIOS POLÍTICOS< QUE AFETAM APENAS A POPULAÇÃO, PORQUE O DELES ELES JÁ GARANTIRAM !!!!
    ESTA É A VERDADE!
    SE QUER TEM A HUMILDADE DE ACEITAR INTIMAÇÃO JUDICIAL, E AÍ COM AVAL PRESIDENCIAL, AINDA DIZ MENTIROSAMENTE QUE ISSO SERÁ O MELHOR PARA O PAÍS ?????
    SÓ SE FOR PARA O BOLSO DELES!
    VAMOS RESPEITAR OS JUÍZES E A MAGISTRATURA, AFINAL JUNTO COM A POLÍCIA FEDERAL, AINDA FAZEM COISAS MUITOS BOAS QUE TEM RECONHECIMENTO MUNDIAL, AO EXEMPLO DA LAVA – JATO !!!!
    VAMOS RESPEITAR!!!!!!!
    É o que nos salva!
    Aproveito e lanço aqui a candidatura a PRESIDENCIA DA REPÚBLICA EM 2018:
    Para PRESIDENTE:
    MM. DR. JOAQUIM BARBOSA, juntamente com seu vice:
    MM. DR. SÉRGIO MORO.
    Assim teremos plena certeza, que com aopio incondicional da POLÍCIA FEDERAL, exemplo para o BRASIL e o Mundo, de uqe teremos a verdadeira JUSTIÇA, mas aí, …….
    vai faltar cadeia para tantos e tantos,
    "ladrões e corruptos" ! …….
    É a nossa triste realidade brasileira.
    Nunca tivemos tanto roubo e desvios de verbas em nossa nação, jamais!
    Mas, chega, basta !

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *