Início » Brasil » Sete milhões de brasileiros ainda vivem em situação de fome
IBGE

Sete milhões de brasileiros ainda vivem em situação de fome

A pesquisa revela que a condição das pessoas nesta situação piorou nos últimos anos em relação a acesso aos serviços públicos básicos, como saneamento e abastecimento de água

Sete milhões de brasileiros ainda vivem em situação de fome
Em 2013 o percentual de domicílios na faixa da insegurança alimentar grave caiu para 3,2% frente aos 5% registrados em 2009 (Reprodução / Internet)

Em 2013, o percentual de domicílios na faixa da insegurança alimentar grave caiu para 3,2% frente aos 5% registrados em 2009. Os dados fazem parte da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD), do IBGE, divulgada nesta quinta-feira, 18 Apesar da queda de 1,8 ponto percentual da fome no país, 2,1 milhões de lares, o que representa 7, 2 milhões de pessoas, ainda vivem em situação de insegurança alimentar grave.

Em 2004, 6,9% de lares brasileiros encontrava-se nesta situação. Segundo o IBGE, viver em insegurança alimentar é, na prática, passar fome. Em dez anos, a redução de pessoas nessa situação foi de mais de 50%. Para o instituto, ainda permanecem nesta categoria pessoas que nos último três meses tiveram que reduzir a quantidade de comida oferecida às crianças ou que ao menos um integrante da família passou um dia inteiro sem comer por não ter dinheiro.

A pesquisa revela que a condição das pessoas nesta situação piorou nos últimos anos em relação ao acesso aos serviços públicos básicos, como saneamento e abastecimento de água. Além disso, o número de pessoas que, apesar de viver em situação de fome, tem bens de consumo, como computador com conexão à internet e televisão, aumentou.

Segundo o estudo, a segurança alimentar atingiu no passado 77,4%  dos lares, uma melhora de 7,6% em relação a 2009. Além disso, a pesquisa mostrou que as três categorias  de insegurança alimentar (além da grave, insegurança leve – que teve queda de 3,9 frente aos registro de quatro anos antes e moderada, com queda de 4,6%) indicaram redução da fome ou o risco de voltar a esta situação.

Fontes:
Folha - Mais de 7 milhões de pessoas ainda passam fome no Brasil

2 Opiniões

  1. André Luiz D. Queiroz disse:

    O que não é falado às claras é do porquê de tantas pessoas ainda viverem em situação de forme; não é por falta de alimentos, mas sim porque o alimento é caro! Quando o governo é responsável com as contas públicas e é rigoroso no controle da inflação, quando o governo desonera a cadeia de produção barateando o custo final dos alimentos, ele faz mais para prevenir o problema da fome do que todas as campanhas ‘Fome Zero’ e afins!

  2. Joma Bastos disse:

    “Após uma década de queda na miséria, o número de brasileiros em condição de extrema pobreza voltou a subir em 2013. O país tinha 10,08 milhões de miseráveis em 2012, contra 10,45 milhões um ano depois, segundo dados do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada.”
    (http //g1.globo .com/economia/ noticia/2014/11/apos-10-anos-de-queda -numero-de-miseraveis-volta-subir-no- brasil.html)

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *