Início » Brasil » STF autoriza retomada das obras de Belo Monte
Usina hidrelétrica

STF autoriza retomada das obras de Belo Monte

Obras haviam sido suspensas por determinação do Tribunal Regional Federal da 1ª Região, com sede em Brasília

STF autoriza retomada das obras de Belo Monte
Obras da usina de Belo Monte (Fonte: Reprodução/AE)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

As obras da usina hidrelétrica de Belo Monte, no Pará, que estavam suspensas desde o último dia 14 por ordem do Tribunal Regional Federal da 1ª Região, poderão ser retomadas. A decisão foi tomada na noite desta segunda-feira, 27, pelo Supremo Tribunal Federal (STF).

O ministro Carlos Ayres Britto, presidente do STF, ressaltou que a liminar autorizando o reinício das obras não impede sua revisão após a realização de uma análise mais detalhada do caso.

A Agência Brasil informou que Ayres Britto pediu mais informações ao Tribunal Regional Federal da 1ª Região, com sede em Brasília, que havia determinado a suspensão das obras por entender que os índios que vivem no local deveriam ter sido consultados pelo Congresso antes da aprovação do decreto que autorizou a construção.

Impactos irreversíveis

Antes do anúncio do STF, a Procuradoria Geral da República também se manifestou a favor da paralisação das obras de Belo Monte, que será a terceira maior hidrelétrica do mundo.

O polêmico projeto, cujo custo previsto é de R$ 25 bilhões, enfrenta grande oposição de ambientalistas, que acreditam que os impactos ambientais e também para as comunidades que vivem na região serão irreversíveis.

Fontes:
Portal Exame - STF dá sinal verde para reinício das obras de Belo Monte

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

9 Opiniões

  1. Rosaura disse:

    Um investimento desse porte, ajudaria muito mais a saúde e a educação deste País.
    E os índios continuarão a ser injustiçados e a Amazônia sendo devastada aos poucos, sendo engolida.
    Pobre Brasil!
    Pobre de nós brasileiros!

  2. Carlos U. Pozzobon disse:

    É cômico pensar que pagamos o prejuízo de 12 milhões por dia por causa da alegação de que “os índios não foram ouvidos”. Enquanto no Brasil fazendas são invadidas sem se ouvir os trabalhadores que são expulsos além de terem seus bens destruídos, no caso de Belo Monte, os ambientalistas resolveram lutar quixotescamente contra a barragem transformada em moinho de vento na lendária obra de Cervantes. Invetam todos os argumentos que lhes passa pela cabeça, o último deles é a de danos irreparáveis ao meio ambiente, incluindo a desertificação do local. Como indiquei em um artigo, o ambientalismo oscila entre o ecomisticismo e o ecofatalismo. A mistura dos dois é um novo totalitarismo pois se coaduna com a ideologia que reprime toda a iniciativa individual e o trabalho criativo, conciliando-se com a paralisia e a vagabundagem forçada. O resultado involuntário consiste em pretender que todos sejamos índios e seu sucesso total será nos levar de volta ao neolítico.
    http://comentarioscontidos.blogspot.com.br/2012/06/do-ecomisticismo-ao-ecofatalismo.html

  3. Rudy Lang disse:

    ÍNDIO QUER APITO, GELADEIRA E TELEVISÃO mas não sabe que também precisará de eletricidade para usar os seus eletrodomésticos.
    Esses movimentos indígenas são contrários aos interesses do Brasil.
    Felizmente alguém no STF consegue enxergar além de um palmo diante do nariz.
    Parabéns ao Ministro Ayres Britto e meu repúdio aos movimentos do tipo AVAAZ que dão palpite sobre o que não sabem.

  4. Adelino disse:

    A Justiça tarda, mas não falha. Parabéns ao Ministro Ayres Brito, a ordem foi reestabelecida. Cobrem-se os dias parados aos desembargadores da 5ª Turma do TRF1 (que prejuízo à nação).

  5. Adelino disse:

    .A Justiça tarda, mas não falha. Parabéns ao Ministro Ayres Brito, a ordem foi reestabelecida. Cobrem-se os dias parados aos desembargadores da 5ª Turma do TRF1 (que prejuízo à nação)..

  6. wanderley f. silva disse:

    ATENÇÃO GÊNIOS DE TODO O MUNDO –QUEM SOUBER CRIAR ENERGIA SEM EFEITOS COLATERAIS QUE SE APRESENTEM —HÁ UM PRÊMIO NOBEL A ESPERÁ-LOS.
    A EXPLORAÇÃO DE PETRÓLEO EM TODO O MUNDO FOI FEITA DESLOCANDO ENORMES CONTINGENTES POPULACIONAIS E IGNORANDO O MEIO AMBIENTE NOS PAÍSES POSSUIDORES DE ÓLEO.
    O CARVÃO SEGUIU O MESMO TRAÇADO.
    HÁ DE SE CONSIDERAR O PROBLEMA INDÍGENA E O MÊIO AMBIENTE NO SENTIDO DE CAUSAR-LHES O DAMO MENOR.–NO CASO INDÍGENA COMPENSAR-LHE O DANO.
    RENUNCIAR ,ENTRETANTO O POTENCIAL ENERGÉTICO EXISTENTE É IRREAL.
    IGUALMENTE HÁ FORÇAS TECTÔNICAS DEFENDENDO A RENUNCIA AO PRÉ-SAL PELOS DANOS POSSÍVEIS À NATUREZA. OU A SALVAÇÃO DO HIPOCAMPO DOURADO…. RISÍVEL

  7. renato vasconcellos disse:

    Só se pode debater sôbre energia elétrica com a luz apagada e os motores desligados

  8. João Cirino Gomes disse:

    Quero deixar bem claro que não sou contra a construção de usina; desde que não seja construída com superfaturamento , ou desrespeite o espaços a privacidade o direito dos índios e a natureza!
    Mas os espertalhões que continuam ludibriando os leigos inocentes, dizendo que a construção de belo monte no Amazonas, trara desenvolvimentos e justiça social!
    Então expliquem, por qual motivo, nas regiões, onde foram feitas as mesmas promessas, aumentaram a miséria e mendicância?
    E por qual motivo, não tem verbas para a educação, para a saúde, para a segurança e ainda existe o curral eleitoral sustentado por valores, roubados descaradamente dos aposentados?
    Caros colegas, desculpem minha franqueza, mas eu cansei de acreditar em lorotas e promessas ilusórias!
    Os procedimentos da maioria dos políticos brasileiros, esta sendo uma afronta, para com a justiça, para com a democracia, “para a ordem e progresso”, com a qual, nós patriotas contávamos e acreditávamos!
    À custa do povo; esta sendo construída uma usina em Belo Monte, na Bacia do Rio Xingu:
    > vejam>>. http://www.socioambiental.org/inst/brsa/index.html
    E com bons modos e boas propostas, já retiraram vários moradores daquela localidade!
    Mas poucos sabem que: Alguns nativos daquela região, após saírem de suas terras, sobrevivem desiludidos e abandonados à própria sorte, pintando a realidade com as cores da ingenuidade.
    E os responsáveis por este quadro, tentam nos convencer, que o desenvolvimento continua…
    Desenvolvimento de quem, se progresso vem sempre desordenado, trazendo estruturas sociais enganosas e injustas, fazendo proliferar o numero de miseráveis, despreparados, famintos e indigentes?
    Deixem os índios em paz; afinal eles são os verdadeiros donos da terra!
    Ou depois de tomarem suas terras, e torná-los um bando de mendigos, vão lhes pedir perdão, como costumam fazer aos nossos irmãos, que tiveram seus antepassados escravizados?
    Acham que desculpa resolvera o problema do aumento da violência, e da mendicância horrorosa que estão criando com suas ganâncias?
    A história já nos mostrou que:
    Estes são comportamentos de crápulas e bandidos, espertalhões, que estão desrespeitando a natureza e os menos favorecidos, visando somente vantagens pessoais!
    Melhor refletirem, antes de cometerem mais este crime contra o patrimônio Nacional, contra a população indígena e a natureza! Pois tais comportamentos, nada têm de justiça, muito menos de cidadania e fraternidade!
    Para que o povo saiba: Nossa ultima alternativa foi, usarmos o bom senso, e o que sabemos de suas maracutaias políticas, para combatê-los, apresentando evidencias dos fatos, desmascarando-os, com a verdade nítida!
    Mas não esta sendo possível debater, pois mesmo tendo argumentos sérios e convincentes, eles continuam usando as verbas dos nossos impostos, para se idolatrarem e distorcer fatos verídicos, enquanto continuam rindo e fazendo chacotas dos nossos anseios até em CPIS pizza-iolas!
    E talvez; esperem que rejeitemos as bases fundamentais da democracia, da justiça e de nossa convicção; para que eles continuem destruindo a natureza, nos enganando, e nos roubando, sempre acobertados pela lei de “imunidade”!
    O slogan, Ordem e progresso, na Bandeira Nacional; esta mais para: Ordens aos humildes, e progresso aos poderosos!
    Resolvi fazer um apelo aos colegas, para que divulguem estes fatos!
    O texto é de minha autoria, mas pertence a todo aquele, que por se sentir enganado, luta por justiça social, pela preservação da natureza, e pelo direito dos menos favorecidos, na esperança de dar um mundo melhor aos seus descendentes!
    Abaixo- assinado; pelo fim da imunidade e impunidade, aos que prometem, só visando vantagens!
    > Abrir hiperlink e assinar: http://www.peticaopublica.com.br/?pi=Janciron
    > ESTE É O PRIMEIRO PASSO PARA QUE TENHAMOS UM PAÍS DEMOCRÁTICO, COM DIREITOS IGUAIS E JUSTIÇA SOCIAL!
    Abra sua boca a favor do mudo, pelo direito de todos que perecem!
    Provérbios; Rei Lemuel

  9. IVOREMA SAYÃO LOBATO CHAPON disse:

    STF MANDA R ETOMAR AS OBRAS DA USINA HIDRELÉTRICA DE BELO MONTE. E OS ÍNDIOS QUE LÁ VIVEM? AM BIENTALISTAS SE IMPONHAM!!! OUTRA ABERRAÇÃO OS CANADENSES IRÃO EXTRAIR OURO ÀS MARGENS DO RIO XINGU… ROUBAM DE UNS E GANHAM DE OUTROS ATRAVÉS DAS RIQUEZAS MINERAIS LÁ EXISTENTES. DÁ NOJO LER ASSSUNTOS ASSIM…IVOREMA

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *