Início » Brasil » STJ mantém prisão de Eike Batista
PEDIDO DE LIBERDADE NEGADO

STJ mantém prisão de Eike Batista

Empresário foi preso em janeiro deste ano no âmbito da Operação Eficiência

STJ mantém prisão de Eike Batista
A prisão preventiva de Eike foi solicitada pelo MPF (Fonte: Reprodução/AP)

A ministra do Superior Tribunal de Justiça (STJ) Maria Thereza de Assis Moura negou nesta terça-feira, 18, um pedido de liberdade feito pela defesa de Eike Batista.

Leia também: Eike Batista: de Sansão dos negócios a careca de cadeia
Leia também: Eike Batista é transferido para Bangu 9

O empresário foi preso em janeiro deste ano no âmbito da Operação Eficiência, um desdobramento da Operação Lava Jato no Rio de Janeiro. A prisão preventiva de Eike foi solicitada pelo Ministério Público Federal (MPF).

O argumento utilizado pela defesa do empresário é de que a liberdade de Eike Batista não prejudicaria o processo, uma vez que ele já demonstrou interesse em colaborar com as investigações.

Ainda de acordo com a defesa do empresário, a prisão preventiva se baseia apenas em delações premiadas de outros réus. Dois doleiros afirmaram que Eike pagou propina de US$ 16,5 milhões ao ex-governador Sérgio Cabral e de US$ 1 milhão para o escritório de Adriana Ancelmo.

A decisão da ministra Maria Thereza de Assis Moura ainda pode ser rediscutida pela Sexta Turma do STJ, formada por outros quatro ministros.

A Justiça Federal e o Supremo Tribunal Federal (STF) também já negaram outros pedidos de liberdade apresentados pela defesa de Eike Batista.

Fontes:
G1 - Ministra do STJ nega liberdade ao empresário Eike Batista

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

1 Opinião

  1. Suely disse:

    Muita idiotice manter esse homem preso!

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *