Início » Brasil » Temer corta R$ 8 milhões de sites simpáticos ao PT
VERBA CORTADA

Temer corta R$ 8 milhões de sites simpáticos ao PT

Governo interino justifica corte afirmando que veículos serviam de ‘instrumento de opinião partidária’ e diz que verba será investida em iniciativas de ‘múltiplas opiniões’

Temer corta R$ 8 milhões de sites simpáticos ao PT
O governo interino nega se tratar de uma batalha ideológica no campo da comunicação (Foto: Wilson Dias/Agência Brasil)

O presidente interno Michel Temer vai cortar a verba de sites considerados defensores do PT. No total, serão cortados pelo menos R$ 8 milhões dos R$ 11 milhões previstos para serem liberados até dezembro através de anúncios de órgãos estatais, como Caixa Econômica Federal, Banco do Brasil e Petrobras.

Na lista dos sites afetados estão: Brasil 247; Diário do Centro do Mundo; Pragmatismo Político; O Cafezinho; e o blog Conversa Afiada, do jornalista Paulo Henrique Amorim.

O governo interino também suspendeu as verbas e o contrato do jornalista Luis Nassif para um programa semanal na Empresa Brasil de Comunicação (EBC). O jornalista Sidney Rezende também teve o contrato com a EBC suspenso e o patrocínio cortado.

Dois veículos poupados foram o Observatório de Imprensa, que receberá R$ 231 mil em publicidade do governo este ano, e o site Congresso em Foco, que terá um patrocínio de R$ 940 mil.

O governo interino nega se tratar de uma batalha ideológica no campo da comunicação e justifica o corte de verba afirmando que os veículos serviam como “instrumento de opinião partidária” usados para criticar o governo interino e o impeachment de Dilma Rousseff. Segundo a justificativa, a verba será direcionada a iniciativas que divulguem “múltiplas opiniões”.

Trata-se da segunda medida polêmica do governo Temer referente à imprensa. No mês passado, Temer gerou controvérsia ao exonerar o presidente da EBC, Ricardo Melo, que foi nomeado por Dilma em maio, pouco antes de seu afastamento. A exoneração foi suspensa no início deste mês pelo ministro Dias Toffoli, do Supremo Tribunal Federal (STF). Melo permanecerá no cargo até que o caso seja julgado pelo STF.

Fontes:
Estadão-Planalto corta pelo menos R$ 8 milhões de sites simpáticos ao PT

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

5 Opiniões

  1. André Luiz.'. disse:

    Acho que, com esse corte de verba, não ‘leremos’ tanto mais por aqui em O&N comentários de uns e outros leitores de nome engraçado…!

  2. Rosane da Silva disse:

    o pt faria o mesmo, portanto, não há o que reclamar. o governo do presidente interino está certíssimo.

  3. Jayme Mello disse:

    O corte de verba pública para essa ou aquela atividade é mais que natural e até louvável, levando-se em conta a contenção geral de despesas, ora em andamento.

    Todavia, o que causa espécie é a seletividade da contenção, aliás, o que não nos falta hoje, aqui ou ali, é essa tal de “seletividade”.

    Haja vista que em outros momentos e isso, é público e notório, foram mantidos os espaços para as opiniões contrárias se manifestarem e, a maior prova dessa assertiva é, indubitavelmente, a nossa cotidiana presença nesse canal de comunicação, bem como a grande mídia que em formidável alarde, traceja seus pontos de vista, sem nenhuma contenção.

    Concluindo, o saudoso Chico Anísio, entre tantos personagens de sua lavra, havia um tido como “jovem” – cujo mote principal era inovações estapafúrdias, devido sua completa desconexão com a realidade.

    Um escritor, ou dramaturgo, um compositor musical…, no sentido amplo da palavra, diferentemente das pessoas comuns, nascem com a percepção de mundo mais aguçadas e, justamente por isso, dada a performance em suas atividades lúdicas, são invariavelmente endeusados (as).

    Então, aquele personagem “jovem” à época e, isso beira quase trinta anos, nos remete, excetuando naturalmente alguns poucos, ao cotidiano do agora e, hoje – vê-se claramente, que tal personagem desgraçadamente para sociedade futura, multiplicou-se de forma assustadora.

  4. Jose Livramento disse:

    Roseane – O problema é que o PT era estúpido, e não fazia o mesmo. Veja, Globo e todo veículo que diuturnamente metiam o pau nele, recebiam milhões. Só a globo recebeu 500 milhões por ano desde 2003… É muito masoquismo.

  5. JAIR CUNHA disse:

    Pq ele não cortou verba de sites simpatizantes ao governo dele? Se é pra contenção de despesas era pra ter cortado verbas pra todos. Isso se chama corte seletivo. Canalhice.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *