Início » Brasil » Temer ganha mais tempo para responder às perguntas da PF
INQUÉRITO

Temer ganha mais tempo para responder às perguntas da PF

Novo prazo foi estipulado até às 17h da próxima sexta-feira, 9

Temer ganha mais tempo para responder às perguntas da PF
Temer ganhou mais 72 horas para responder por escrito aos questionamentos da PF (Fonte: Reprodução/Agência Brasil)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

Após um pedido dos advogados de Michel Temer, o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Edson Fachin prorrogou o prazo para que o presidente possa responder às perguntas feitas pela Polícia Federal no inquérito relacionado às delações de executivos e ex-executivos da JBS.

Além do prazo inicial de 24 horas, que terminaria na tarde desta terça-feira, 6, Temer ganhou mais 72 horas para responder por escrito aos questionamentos da PF. O novo prazo foi estipulado até às 17h da próxima sexta-feira, 9.

Os advogados do presidente argumentaram que precisavam de mais tempo para analisar e responder às perguntas da Polícia Federal, e que Temer estaria habilitado para respondê-las no fim desta semana, na sexta ou no sábado.

“Em face da complexidade e da surpreendente quantidade dos quesitos formulados, entende-se ser absolutamente impossível e contrário ao princípio da razoabilidade exigir-se uma manifestação do Sr. Presidente da República no exíguo prazo de 24 horas, lembrando-se que, para a sua elaboração, não foi consignado nenhum prazo”, ressaltou a defesa de Temer.

O ministro Edson Fachin destacou que “improrrogavelmente” as respostas de Temer deverão cumprir a nova data.

As perguntas da PF buscam traçar as relações de Temer com outros investigados e também tratam das informações levantadas a partir da gravação feita pelo dono da JBS, Joesley Batista, durante encontro com Michel Temer no Palácio do Jaburu.

Fontes:
EBC - Fachin prorroga prazo para Temer responder às perguntas da PF

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

1 Opinião

  1. Carlos Valoir Simões disse:

    O sentido do interrogatório é esclarecer os fatos, para isso não é necessário “analisar” as perguntas, como querem os defensores do Temer, basta a verdade.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *