Início » Brasil » Temer leva ministros e embaixadores a churrascaria
OPERAÇÃO CARNE FRACA

Temer leva ministros e embaixadores a churrascaria

Jantar ocorreu em meio aos desdobramentos da Operação Carne Fraca

Temer leva ministros e embaixadores a churrascaria
Jantar neste domingo em churrascaria de Brasília (Fonte: Reprodução/Twitter @MichelTemer)

Em meio aos desdobramentos da Operação Carne Fraca, deflagrada pela Polícia Federal na semana passada e que revelou um esquema de corrupção envolvendo alguns dos principais frigoríficos do país, o presidente Michel Temer levou ministros e embaixadores de países que importam carne brasileira para jantar em uma churrascaria em Brasília na noite deste domingo, 19.

Temer afirmou que a carne estava muito “boa” e que todos “se deliciaram”, e ainda que embaixadores disseram que vão “advogar junto a seus países no sentido de divulgar a tranquilidade em relação ao consumo da carne brasileira”.

Em nota, a Secretaria de Comunicação da Presidência da República afirmou que “todas as carnes servidas, neste domingo, ao presidente Michel Temer e aos embaixadores convidados para jantar na churrascaria Steak Bull foram de origem brasileira. A gerência do estabelecimento inclusive apresentou os produtos servidos a órgãos sérios da imprensa que questionaram a origem do produto”.

O presidente Michel Temer se reuniu na manhã deste domingo com ministros, associações e diplomatas para discutir os efeitos da Operação Carne Fraca, que investigou um esquema de liberação de licenças para frigoríficos sem fiscalização.

A assessoria da Presidência não divulgou a lista de convidados. O cerimonial informou que representantes de 27 países, incluindo 19 embaixadores, participaram do jantar, além dos ministros Moreira Franco (Secretaria-Geral) e Blairo Maggi (Agricultura). O jantar na churrascaria custa R$ 119 por pessoa. O Planalto ressaltou ainda que a Presidência pagou as refeições de Temer e dos 27 diplomatas.

Também neste domingo, o secretário de Defesa Agropecuária do Ministério da Agricultura, Luiz Eduardo Pacifici Rangel, garantiu que foi constatado que “não existe risco sanitário” no Brasil.

O secretário-geral do Ministério das Relações Exteriores, Marcos Galvão, disse que até agora nenhum país indicou que irá aplicar embargo a produtos brasileiros.

Fontes:
G1 - Temer vai a churrascaria em Brasília com ministros e embaixadores

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

3 Opiniões

  1. Oladir Dias Machado disse:

    Há! Falando em carne fraca, gostaria de convidar o presidente, deputados e senadores para um dia qualquer, almoçar num daqueles restaurantes do mercado de Campinas em Goiânia.

  2. Jose Vicente Filho disse:

    O TEMER ESCONDEU DOS MINISTROS DE OUTROS PAISES QUE A CARNE SERVIDA NESTA CURRASCARIA É TODA DE ORIGEM INTERNACIONAL; É MESMO UM FIGURAÇO ESTE PRESIDENTE QUE NÓS HERDAMOS!.

  3. Rogerio Faria disse:

    Ou seja, nesta suruba “a lá Jucá” na churrascaria quem pagou a rabada foi o povão. Cono sempre…

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *