Início » Brasil » Twitter terá de revelar dados de usuários que ligaram Aécio Neves ao tráfico de drogas
Quebra de sigilo

Twitter terá de revelar dados de usuários que ligaram Aécio Neves ao tráfico de drogas

O Twitter alegou que a quebra do sigilo de usuários configura censura, mas Aécio rebateu que, na verdade, os caluniadores são parte de uma rede paga por adversários para disseminar tal conteúdo

Twitter terá de revelar dados de usuários que ligaram Aécio Neves ao tráfico de drogas
São 20 usuários que, durante a campanha eleitoral, vincularam o nome de Aécio com consumo e tráfico de drogas (Reprodução / Folha)

A Justiça de São Paulo determinou que o Twitter entregue aos advogados do senador Aécio Neves (PSDB-MG) os dados cadastrais de 20 usuários que, durante a campanha eleitoral, vincularam o nome de Aécio com consumo e tráfico de drogas.

Com isso, os advogados do senador poderão pedir punição individual a cada um dos acusados de difamação pelo tucano.

Leia também: Filha de Guido Mantega gera polêmica ao ligar Aécio ao uso de drogas

Inicialmente, Aécio pediu acesso aos dados de 66 pessoas, entre elas jornalistas, cineastas e professores universitários. Mas, 11 nomes foram retirados do processo pelo próprio tucano. A Justiça entendeu que 35 nomes da lista apresentados como caluniadores e detratores haviam apenas compartilhado informações e links da internet e, por isso, não poderiam ser responsabilizados como autores das acusações contra Aécio.

Em setembro, durante a campanha e com a ação judicial já em curso, o juiz Helmer Augusto Toqueton Amaral determinou que os dados fossem repassados ao tribunal e não entregues à equipe de advogados de Aécio. Mas no último dia 12, o magistrado decidiu  que os 20 perfis que de fato produziram calúnias sobre o ex-presidenciável fossem entregues aos  advogados de Aécio.

O Twitter alegou que os perfis têm direito a expressar opinião com liberdade e que a quebra do sigilo de seus dados configura censura. Mas, Aécio diz que, na verdade, os caluniadores  são parte de uma rede paga por adversários  para disseminar tal conteúdo.

Fontes:
Folha - Juiz manda Twitter revelar usuários a Aécio

3 Opiniões

  1. Victor Ivens disse:

    A internet não é um meio de comunicação anônimo inviolável. A liberdade de expressão é garantida a qualquer indivíduo mas as consequências das ações de cada um estão e devem estar ligadas à esse indivíduo. Liberdade de expressão é diferente de liberdade de consequências do que se expressa.

  2. Carlos disse:

    Concordo, porque difamação è um crime gravíssimo. Têm que provar o que afirmaram.

  3. ney disse:

    Falando em aercio, de quem era mesmo o helicóptero carregado com maconha?
    E por que a imprensa esta em silencio

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *