Início » Brasil » Vacina contra dengue pode custar até R$ 400 a dose
NAS CLÍNICAS PARTICULARES

Vacina contra dengue pode custar até R$ 400 a dose

Para obter máxima efetividade, pacientes deverão receber três doses da vacina

Vacina contra dengue pode custar até R$ 400 a dose
Vacina contra dengue produzida pela empresa Sanofi Pasteur é a única já aprovada no Brasil (Fonte: Reprodução/USP Imagem)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

O órgão interministerial responsável por determinar os preços dos medicamentos no Brasil estima que a primeira vacina contra dengue aprovada no país deve custar até R$ 400 a dose nas clínicas particulares.

Para obter máxima efetividade, os pacientes deverão receber três doses da vacina produzida pela empresa Sanofi Pasteur.

A estimativa de custo feita pela Câmara de Regulação do Mercado de Medicamentos (Cmed) foi baseada em dados enviados pela Sanofi. O valor final da vacina será divulgado em até dois meses.

Em um encontro com gestores de saúde, o presidente da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), Jarbas Barbosa, disse que “todo primeiro produto é mais difícil, porque há dificuldade de estabelecer precificação […] Provavelmente o parâmetro é preço similar ao da vacina contra HPV, em torno de R$ 400 a dose”.

Barbosa ressaltou, no entanto, que fabricante e varejo podem negociar preços menores.

A vacina contra dengue produzida pela Sanofi Pasteur é a única já aprovada no Brasil. Outras três vacinas estão em estudo.

O produto não deve ser incorporado no SUS. Membros do governo acreditam que o preço não compensaria o resultado da vacina. A média dos índices de eficácia da vacina é de 66% entre os quatro tipos de vírus da dengue.

O ministro interino de Saúde, Agenor Álvares, ressaltou que, “para o governo, o valor informado foi de 22 euros a dose (cerca de R$ 88). Mesmo nesse preço, o impacto é de R$ 10,5 bilhões ao ano, três vezes o orçamento do programa”.

Outra questão é que a vacina é indicada apenas para pessoas com idades entre nove e 45 anos, excluindo, portanto, crianças e idosos, grupos mais vulneráveis.

Segundo dados do Ministério da Saúde, apenas neste ano o Brasil já soma 996 mil casos de dengue. No ano passado, foram mais de 1,6 milhão de casos da doença, um recorde.

Fontes:
Folha de S.Paulo - Governo estima que vacina contra dengue deverá custar até R$ 400

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

2 Opiniões

  1. jorge almada disse:

    Negligenciados por décadas as pesquisas de vacinas de combate a dengue o governo concentrou esforços somente no “ENXUGA GELO ”, combate à larva do mosquito, deixou de investir na pesquisa da vacina. A população já está pagando um preço alto pelo descaso e pagará ainda mais visto que o governo terá que desembolsar R$ 400,00 por dose da vacina além de que a vacina não será aplicada nas CRIANÇAS MENORES DE 9 ANOS E em ADULTOS MAIORES DE 45 ANOS,isto é um ABSURDO!!!

  2. Marta disse:

    A vacina foi autorizada em dezembro de 2015, mais quase cinco meses pra esse órgão regular o preço máximo e ainda vai mais três meses pra soltar o preço final???? Meu Deus!!! Estamos vivendo a maior epidemia de dengue da história do país e ainda vão ficar nessa burocracia idiota??? Libera logo essa vacina pra pelo menos amenizar a situação… Governo corrupto, cheios de bandidos… Se não roubassem tanto dos cofres públicos, teriam dinheiro pra amenizar o sofrimento do povo já que nosso país arrecada muito imposto.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *