Início » Cultura » Carnaval do Rio não terá escolas rebaixadas em 2011
Após incêndio

Carnaval do Rio não terá escolas rebaixadas em 2011

Treze escolas irão se apresentar em 2012, incluindo as 12 deste ano mais a campeã do grupo de acesso

Carnaval do Rio não terá escolas rebaixadas em 2011
Incêndio destruiu três barracões na Cidade do Samba (Fonte: Reuters)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

Os representantes das escolas de samba do grupo especial do Rio de Janeiro se reuniram na noite desta segunda-feira, 7, para discutir as mudanças no Carnaval 2011 após um incêndio ter destruído os barracões da Portela, Grande Rio e União da Ilha, na Cidade do Samba.

A Liga das Escolas de Samba do Rio de Janeiro (Liesa), que também teve suas instalações atingidas pelo fogo, anunciou que o grupo especial do Carnaval do Rio não terá rebaixamentos neste ano. Com isso, 13 escolas irão se apresentar em 2012, incluindo as 12 deste ano mais a campeã do grupo de acesso. Em 2012, por sua vez, duas escolas do grupo especial serão rebaixadas, ao invés de uma.

Desfile simbólico

Além disso, as três escolas afetadas pelo incêndio farão um desfile simbólico e não serão julgadas no Carnaval 2011. O prefeito do Rio, Eduardo Paes, prometeu ajudar essas escolas “no que for possível”.

A ordem dos desfiles também foi alterada. A Portela, que assim como as outras duas atingidas iria desfilar na segunda-feira de Carnaval, 7 de março, agora irá se apresentar no domingo, 6 de março, trocando de lugar com a Mocidade Independente de Padre Miguel.

A polícia ainda está investigando as causas do incêndio, que, segundo testemunhas, começou em uma área reservada à Liesa.

Fontes:
O Globo - Incêndio na Cidade do Samba muda regras de carnaval no Rio
Uol - Liga altera ordem dos desfiles e permite que 13 escolas desfilem em 2012

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

4 Opiniões

  1. Itamar disse:

    O povo sensibilizado, pode ajudar como o prefeito!! Basta botar fogo nas demais e torcer para que não haja carnaval!
    Porque não faz um referendo para ver se o povo quer ou não esta porcaria ?
    Sabe se que o numero de mortos pós carnaval em dias supera qualquer guerra no mundo!
    A depravação,imoralidade se mostra em uma festa que o governo oficializa com a distribuição de camisinhas. ESTA NA HORA DE UM REFERENDO QUEM APROVA OU NÃO O CARNAVAL!

  2. Flavio Santos disse:

    Desejar que as escolas peguem fogo é um pouco demais; esse daí parece ser um folião bem frustrado, credo!

  3. Vera Lucia disse:

    Concordo, as escolas dão emprego p muita gente, sem falar q o povo brasileiro é mt alegre, coisa que herdamos dos índios, dos negros que cantavam nas senzalas!!!

  4. Vera Lucia disse:

    Retificando: discordo do Sr Itamar; acho um absurdo queimarem as escolas de samba, o que é isso companheiro?

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *