Início » Cultura » Chef de cozinha Benoît Violier é encontrado morto
SUÍÇA

Chef de cozinha Benoît Violier é encontrado morto

Polícia suspeita de suicídio. Versão é corroborada por outros chefs que reclamam da alta pressão sofrida no trabalho

Chef de cozinha Benoît Violier é encontrado morto
Violier tinha 44 anos e dirigia o restaurante l’Hôtel de Ville, na Suíça (Foto: Wikimedia)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

No último domingo, 31, o chef de cozinha franco-suíço Benoît Violier foi encontrado morto em sua casa, em Crissier, na Suíça. A polícia suíça suspeita que Violier tenha se matado com uma arma de fogo.

Aos 44 anos, o chef, que era extremamente perfeccionista, dirigia o restaurante l’Hôtel de Ville, que foi premiado com três estrelas Michelin (nota máxima) e entrou em primeiro lugar no La Liste, o ranking francês dos mil melhores restaurantes em 48 países.

Nascido em La Rochelle, na França, ele veio de uma família de vinicultores. Em 2013, Violier foi eleito o chefe do ano pelo guia Gault & Millau, um dos mais influentes do mundo de excelência gastronômica.

Apesar de as circunstâncias da morte continuarem sendo um mistério, outros chefes de sucesso têm falado sobre suicídio, por conta da alta pressão que grandes chefs sofrem, já que eles podem perder seu prestígio por conta de uma simples crítica negativa.

Fontes:
The New York Times-Benoît Violier, Top French-Swiss Chef, Dies at 44
The Guardian-'World's best chef' Benoît Violier found dead

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *