Início » Cultura » Música » Morre Édith Piaf
NESTA DATA

Morre Édith Piaf

Em 10 de outubro de 1963, morre a cantora e compositora francesa Édith Piaf

Morre Édith Piaf
Édith Piaf ficou marcada pelo seu estilo interpretativo, lírico e angustiante (Foto: Wikipedia)

Édith Giovanna Gassion, que ficou conhecida mundialmente como Édith Piaf, foi uma cantora e compositora francesa, marcada pelo seu estilo interpretativo, lírico e angustiante, retratado em suas músicas. Édith foi um dos grandes nomes da música francesa, sobretudo no estilo chanson.

Nascida em 19 de dezembro de 1915, em Paris, teve uma infância bastante conturbada. Filha de um contorcionista acrobata e de uma cantora de cabaré, Édith viveu seus primeiros anos no bordel. Após a separação de seus pais, passou a acompanhar seu pai nas ruas.

Ainda cedo começou a cantar em cafés e clubes nos subúrbios parisienses para ajudar financeiramente a sua família. Entretanto, aos 16 anos engravidou e em 1932 nasceu a sua filha Marselle, que morreu aos dois anos de idade. Apesar da tragédia que abalou a sua vida, Édith continuou cantando pelas ruas de Paris, sobretudo a rua Pigalle.

Em uma de suas apresentações, foi descoberta em meados da década de 1930 por Louis Leplée, proprietário do cabaré Gerny’s, um dos mais conhecidos da cidade. Édith foi contratada e a partir daí deu os primeiros passos em direção ao sucesso.

Foi nesse período em que ganhou o apelido de La Môme Piaf (a pequena pardal, em francês). No entanto, sofreu mais um impacto após Leplée ter sido encontrado morto no cabaré que dirigia. Édith foi suspeita do assassinato, o que manchou a imagem da cantora e a fez voltar às ruas.

Para retornar ao cenário francês, adotou o nome artístico de Édith Piaf e começou a fazer amizades com poetas e intelectuais da época. Após o fim da Segunda Guerra Mundial, voltou a conquistar a admiração do público e passou a se apresentar por toda a Europa e nos Estados Unidos.

Em 1946, foi para Nova York e manteve um relacionamento com o boxeador Marcel Cerdan, morto em um acidente de avião em 1949. O acidente provocou uma profunda depressão na cantora, que se viciou em álcool e tranquilizantes. O período coincidiu com grandes sucessos, como “La vie em rose” e “Le trois cloches”.

A partir da década de 1950, alcançou seu período áureo, quando cantou com o também francês Charles Aznavour e fez apresentações emblemáticas no Olympia Music Hall, em Paris, e no Carnegie Hall, em Nova York. No entanto, em 1959 foi diagnosticada com câncer no fígado.

Édith Piaf morreu em 10 de outubro de 1963, aos 47 anos. Em seu enterro, o cortejo fúnebre foi acompanhado por mais de 40 mil pessoas.

Fontes:
InfoEscola-Edith Piaf
EuroChannel-Edith Piaf, a história por trás de uma lenda

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

1 Opinião

  1. Regina Caldas disse:

    Uma das melhores cantoras de música popular de todos os tempos. Grande voz, grandes interpretações. Inesquecivel! Minhas homenagens a Edith Piaf;

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *