Início » Cultura » Ocorre o primeiro voo comercial entre EUA e Europa
NESTA DATA

Ocorre o primeiro voo comercial entre EUA e Europa

No dia 29 de junho de 1939, a PAN AM realiza o primeiro voo comercial do mundo

Ocorre o primeiro voo comercial entre EUA e Europa
Os aviões da PAN AM entraram para história depois da viagem dos Estados Unidos para Europa (Reprodução/Internet)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

A companhia aérea americana Pan American World Airways (PANAM) , no dia 29 de junho de 1939, é autorizada pelo governo português a fazer o primeiro voo comercial da história entre Estados Unidos e Europa. Os aviões Boieng 314 Clipper são entregues para a companhia dois anos após a autorização. A viagem começaria em Port Washington, em Nova Iorque até Lisboa e ao aeroporto marítimo de Cabo Ruivo.

Esse voo foi planejado para servir de base a operação transatlântica com hidroaviões que a PAN AM estava desenvolvendo. Batizado de “Dixie Clipper”, o avião transportou 22 passageiros e 11 tripulantes, numa viagem com duração de 28 horas e 50 minutos. Em 1943, a PAN AM estaria envolvida em um acidente no rio Tejo, na Espanha, durante uma manobra de amarragem causando a morte de 24 dos 39 ocupantes. Fundada em 1927 por Juan Terry Trippe, a empresa fechou em 4 de dezembro de 1991.

 

Fontes:
Blog Comissário de Bordo-Primeiro voo comercial transatlântico

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

1 Opinião

  1. Rogério Bento disse:

    Caros, O rio Tejo nasce em Espanha, mas onde existe espaço para amaragem é no estuário do mesmo em Lisboa. Exato, Lisboa, capital de Portugal, vosso país irmão.
    Parece-me que alguns Brasileiros estão a ser contagiados pela ignorância de alguma midia americana, que quando se refere à península ibérica, nunca sabe muito bem que as fronteiras do retângulo são as mais antigas do mundo moderno e pertecem a Portugal.
    Da vossa parte é imperdoável dizerem que este acidente se deu no rio Tejo em Espanha, porque o aeroporto de Cabo Ruivo, onde se amarava nessa altura é em Lisboa e ainda hoje repousam no fundo do chamado mar da palha entre Lisboa e o Montijo, os restos do avião da Pan Am.
    Lamentável essa gafe.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *