Início » Cultura » Os Jogos Olímpicos da Antigüidade
História

Os Jogos Olímpicos da Antigüidade

1. Origem

Os Jogos Olímpicos originais duraram mais de mil anos, de 776 antes de Cristo a 395 depois de Cristo. Mesmo antes disso já existiam competições parecidas, mas só a partir de 776 a.C. há registro oficial dos jogos. Assim como a imitação moderna, as Olimpíadas, os jogos eram realizados de quatro em quatro anos. Uma diferença com os jogos de hoje é que antigamente o local era sempre o mesmo: a cidade de Olímpia, na Grécia.

Desde os tempos pré-históricos esse local era considerado sagrado, e quem passava deixava uma oferenda para os deuses. Aos poucos começou a predominar ali a adoração a Zeus, que era o principal deus grego, e alguns altares foram, aos poucos, construídos. Existem lendas que explicam porque os jogos foram iniciados e porque aconteceram em Olímpia, mas não se conhece as razões reais.

Os esportes, na sua origem, eram parte do treinamento para soldados. Corridas, saltos, lutas, arremesso de dardo ou martelo, tudo isso tem a ver com a guerra. Mesmo a ginástica olímpica tem origem militar. Não é por acaso que uma das modalidades, aquela em que o ginasta fica girando sobre as mãos em cima de um cavalete, chama-se "cavalo". Isso era treino para soldados de cavalaria adquirirem mais agilidade em cima de seus animais.

Ao mesmo tempo, havia um lado religioso nos jogos. Existe uma crença grega que diz que o corpo tem tanta importância quanto o intelecto e o espírito, e que a melhor maneira de honrar a Zeus é cuidar dos dois aspectos, o físico e o espiritual. Olímpia se tornou uma cidade sagrada, assim como hoje Jerusalém, ou Meca, e a ida aos jogos era tanto um divertimento quanto uma peregrinação religiosa. É um pouco difícil de entender, porque na nossa cultura esporte e religião são totalmente separados. No entanto, para o grego daquele tempo, Olímpia seria uma espécie de Vaticano onde também estivesse o estádio do Maracanã.

Existem ruínas de Olímpia, e descrições antigas, que dão uma idéia do que era esse complexo esportivo-religioso, com vários estádios e templos. No principal templo, o de Zeus, havia uma estátua de marfim e ouro representando esse deus, estátua essa que media 13 metros de altura e era considerada uma das sete maravilhas do mundo antigo.

Embora viajar, naquele tempo, fosse tão mais difícil do que hoje, vinham milhares de pessoas, por terra e por mar, para assistir aos jogos. Até de colônias gregas distantes, como a África ou a Espanha, vinham viajantes. Um contemporâneo disse que "você vai a Olímpia e morre de calor, é amassado pela multidão, passa fome e sede, toma chuva e morre de frio, mas apesar disso vale a pena ir para ver espetáculos tão bonitos."

A Grécia não existia como país — era apenas uma região com cultura comum, mas com cidades independentes entre si. Essas cidades viviam guerreando entre si, mas durante o período dos Jogos havia uma trégua, respeitada por todos. A cada quatro anos, assim que se determinava a data do início dos jogos (que era baseada na lua cheia), emissários saiam viajando de cidade em cidade divulgando a data. Inicialmente a trégua era de um mês, mas depois foi aumentada para dois meses, e mais tarde três, para proteger os viajantes que tinham de vir de longe.

Só homens podiam competir nos Jogos antigos. Para evitar que alguma mulher se fingisse de homem para competir — o que podia acontecer, pois em algumas das cidades gregas mulheres eram soldados — deu-se uma solução simples: todo mundo nu. Sim, é isso mesmo. Todos competiam nus, em todas as modalidades de competição. Mulher podia, no máximo, assistir aos jogos. E isso se fosse solteira. Mulher casada não podia nem assistir. Houve um caso de uma mulher, viúva de um antigo campeão, que trouxe seu filho para competir, fingindo-se de treinador. O filho ganhou e a mãe, entusiasmada, pulou a cerca da pista para abraçar seu filho.
Ela foi reconhecida como mulher, mas não foi castigada em homenagem ao falecido marido. Para evitar novos acontecimentos desse tipo, a partir desse dia também os treinadores tinham de estar nus.

Aparentemente a razão para essa discriminação contra as mulheres casadas era ligada ao aspecto dos jogos como ritual religioso de fertilidade. Só as virgens eram consideradas suficientemente puras para estar presentes.

 

2. Os jogosRuínas de Olímpia - Wikipédia

Embora os jogos durassem só cinco dias, os preparativos começavam um ano antes. As pistas precisavam ser niveladas, os templos e estádios tinham sempre pequenos reparos a ser feitos. Os juízes eram escolhidos dez meses antes e começavam a planejar tudo. Os candidatos a atletas assumiam o compromisso de, dez meses antes, começar a treinar intensivamente. Um mês antes do início dos jogos juízes e atletas tinham de ir para a cidade de Elis, que dominava os jogos. Ali os atletas tinham que treinar sob a supervisão dos juízes, que desclassificavam os que não estivessem em boa forma física.

Poucos dias antes do início começava a chegar a multidão. Príncipes italianos vinham em lindos barcos, subindo o rio que passava perto. Viajantes em carruagens ou a cavalo, os pobres em carroças, jumentos, ou mesmo a pé. Camelôs, vendedores de comida e bebida, comerciantes em geral, todos vinham aproveitar a chance de vender seus produtos a preços absurdos, explorando os turistas.

Os jogos eram abertos com desfiles dos atletas e juramentos aos deuses. Havia festas e bebedeiras todas as noites. No terceiro dia, que coincidia com a lua cheia, era feito o grande sacrifício a Zeus. Cem bois, doados pela cidade de Elis, eram sacrificados. Suas pernas eram cortadas e queimadas em homenagem ao deus, que se alimentava com a fumaça. A carne era usada para um grande churrasco no final do dia. No fim do quinto dia os prêmios eram entregues, e havia mais festas e comemorações.

3. As modalidades

Nas primeiras vezes em que se realizaram os jogos, havia uma única competição, que era a corrida curta. Este seria o equivalente aos 100m rasos de hoje, só que naquele tempo a distância era de 192 metros. A pista tinha esse comprimento e era reta. Quando mais tarde se adicionaram corridas maiores, corria-se ida e volta nessa mesma pista. A lenda diz que essa distância foi determinada por Hércules, fundador mítico dos jogos, e que essa era a distância que ele conseguia correr de um só fôlego, prendendo a respiração.

Depois da corrida curta foi criada a dupla, ida e volta, e depois a de 24 vezes a pista. Mais tarde veio a corrida com armadura, em que os atletas corriam usando capacete, protetor metálico nas pernas, e carregavam um escudo redondo. Escritores da época dizem que era muito engraçado ver aqueles homenzarrões correndo com toda essa parafernália…e nus. Muito mais tarde criou-se uma corrida de revezamento em que cada corredor, ao acabar seu trecho, passava ao seu companheiro de equipe uma tocha acesa. O vencedor tinha a honra de acender a fogueira do altar de sacrifícios. Essa idéia foi usada para a abertura dos jogos de hoje em dia, em que um corredor chega no estádio com uma tocha e acende uma chama simbólica.

Uma corrida que hoje é muito conhecida, mas não existiu nos tempos antigos, é a maratona. A idéia moderna é baseada num fato acontecido na Grécia Antiga, quando os persas desembarcaram em Maratona para atacar Atenas. Um soldado ateniense correu 260km em dois dias para avisar Esparta e pedir ajuda.

O pentatlo era outra competição importante, introduzida em 708 a.C. Os cinco eventos eram arremesso de disco, salto, arremesso de dardo, corrida e luta. Todos se realizavam numa mesma tarde. Os dois últimos também aconteciam separadamente, mas os três primeiros só existiam dentro do pentatlo. O salto era em distância, o único salto que os gregos praticavam. Esse salto era dado de uma posição parada, sem corrida para tomar impulso. Em vez disso usavam dois pesos, um em cada mão, que eram jogados para frente para dar impulso. Esses pesos se chamavam "halteres".

Um pouco mais tarde foram introduzidas as corridas de carros puxados por times de dois e de quatro cavalos e logo, também, a corrida de cavalos como a conhecemos hoje, com o cavaleiro cavalgando o cavalo.

4. Fim dos jogos antigos

Com o passar dos séculos, os jogos perderam gradualmente seu significado religioso, e com a conquista da Grécia pelos romanos esse processo continuou. Os romanos chegaram a saquear alguns dos templos para financiar suas guerras, e o imperador Calígula tentou levar a estátua de Zeus para Roma. Em 267 d.C. uma tribo de bárbaros vindos de onde é hoje a Rússia invadiu Olímpia e destruiu parte dos edifícios. Em 393 d.C., o imperador romano Teodósio, o primeiro imperador cristão de Roma, proibiu todos os ritos pagãos. Em 426 d.C., o templo de Zeus foi destruído por um incêndio, possivelmente por ordem de Roma. Novas invasões, dos Visigodos, vândalos e outras tribos bárbaras, foram acontecendo e a cada uma mais um pouco era destruído.

No século V um terremoto, seguido de uma inundação, destruiu o que restava e cobriu as ruínas com uma camada de vários metros de lama. A localização do santuário, com o tempo, foi esquecida. Só mais de mil anos depois, em 1766, depois de séculos de esquecimento, o local foi descoberto por um antiquário inglês. A partir de 1875 foi empreendida uma escavação em grande escala. Até os dias de hoje os trabalhos de pesquisa continuam, tentando descobrir mais e mais sobre Olímpia.

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

46 Opiniões

  1. Mayara disse:

    Nossa, muito bom esse site, me ajudou muito no trabalho! Parabéns 🙂

  2. Isabela disse:

    Adorei esse site. eu tinha que fazer um trabalho e achei tudo no site.

  3. BEATRIZ disse:

    NOSSA ESSE SITE É MUITO BOM EU APRENDI BASTANTE.
    O SITE ESTA DE PARABÉNS!

  4. leo disse:

    que site excepcional, ótimo!

  5. Natália disse:

    Este site está de parabéns
    adorei, e me ajudou muito em um trabalho… parabens e obrigado pela ajuda.

  6. Gessica disse:

    Esse site é muito complexo e tem tudo e está de parabéns.

  7. Melissa disse:

    Eu tive que fazer um trabalho de Educação fisica e esse site me ajudou obrigada estão de parabéns espero que continuem assim beijos

  8. Willian Barbosa disse:

    Muito boa a Materia!!

  9. Manoel Marcos disse:

    Só homens podiam competir nos Jogos antigos. Para evitar que alguma mulher se fingisse de homem para competir — o que podia acontecer, pois em algumas das cidades gregas mulheres eram soldados — deu-se uma solução simples: todo mundo nu. Sim, é isso mesmo. Todos competiam nus, em todas as modalidades de competição.
    Adorei saber porque os gregos competiam nús nas olimpíadas.

  10. Lourival Marcondes disse:

    Achei a materia senssacional.Muito boa mesmo.

  11. Ana Clara disse:

    Pow amei esse site pq tem td o que precisamos pra o trabalho escolar

  12. mylene disse:

    esse site me ajudou bastante em meu trabalho.

  13. Francisco Camacho disse:

    Descobri o Vosso "site" e em boa Hora, pois sou um aposentado portugues que reside no Canada ha cerca de 30 anos.

    Obrigado Frank.

  14. alexssandra disse:

    esse site é bom demais

  15. ??? disse:

    o site e bom

  16. Fernanda Caroline disse:

    Adorei saber que naquela época eles competiam nus

  17. Bruno disse:

    Valeu pela ajuda,estava precisando urgente,pois me ajudou no trabalho de escola
    obrigado!

  18. Karol Tavares disse:

    Verdade, é sempre bom proporcionar dissertações para os leitores, isso ajuda muito nos trabalhos e em revisões, agradeço ao site pelas grandes histórias que são importantes .

  19. LARISSA disse:

    AMEI ESSE SITE!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  20. Leticia disse:

    Eu adorei ese site porque eu achei tudo o que eu precisava nem precisei ir em outro site aqui tem tudo.
    Eu vou indicar a todo mundo que eu conheço.
    BJSSSS!!!
    VALEUUUUUU!!!

  21. Leticia disse:

    Eu adorei ese site porque eu achei tudo o que eu precisava nem precisei ir em outro site aqui tem tudo.
    Eu vou indicar a todo mundo que eu conheço.
    BJSSSS!!!
    VALEUUUUUU!!!

  22. laryssa disse:

    Eu adorei conhecer essa site pq eu aprendi muitas coisas interesssantes

    veleu em

  23. laryssa disse:

    Eu adorei conhecer essa site pq eu aprendi muitas coisas interesssantes

    veleu em

  24. maicon disse:

    adorei esse site

  25. maicon disse:

    adorei esse site

  26. lu disse:

    este site é òtimo!

  27. gabriela barata disse:

    Adorei. Sou professora Educação física e vou aproveitar estes artigos.

  28. Geovanna disse:

    Eu queria saber os esportes que os gregos praticavam.Vcs podem me responder?

  29. fer disse:

    interresante :0

  30. Allyssia disse:

    Foi muito bom vocês terem postado este artigo ! Estava fazendo um trabalho sobre os Jogos Olímpicos da Grécia Antiga e esse artigo me ajudou muito !

    Obrigada 😀

  31. Otoomatre disse:

    Só falta a importancia que teve para os gregos, mas tudo OK

  32. taize disse:

    só falto isso: Após a primeira Olimpíada, ficou acertado que os Jogos seriam realizados a cada quatro anos, durante os meses de julho ou agosto. Aos poucos, o número de competições foi aumentando, até chegar a dez eventos no quinto século antes de Cristo: corrida, pentatlo, arremesso de disco, salto em distância, lançamento de dardo, luta, boxe, pancrácio, corrida de bigas e corrida de cavalos,entre outros… tudo em cinco dias. Podiam competir gregos que fossem cidadãos livres e nunca tivessem cometido assassinatos ou outros crimes.
    As provas consistiam em competições de exercícios corporais de força ou agilidade. Dividiam-se em concursos gímnicos e concursos hípicos. Os concursos gímnicos realizavam-se no estádio. Compreendiam: as corridas (simples, dupla, de fundo e com armas); o pugilato; o pancrácio e o pentlato. Os concursos hípicos aconteciam no hipódromo e compreendiam as corridas de carros e o hipismo. Além dessas provas atléticas, havia também concursos de tocadores de corneta e concursos de arautos, com a finalidade de premiar os que tivessem maior força e capacidade pulmonar

  33. ana paula godoi disse:

    não foi o que eu esperava

  34. rafael disse:

    Nossa esse site e show com ele resolve todo

  35. dany;) disse:

    super legal mais n tem o que quero: as curiosidades dos jogos olimpicos =/ mais esta super legal o texto

    parabens!

  36. Fabrisia disse:

    Eu queria saber sobre o Atletismo na Antiguidade: Local das competiçoes

  37. Thaiane disse:

    Eu tambem queria saber sobre o atletismo na antiguidade :local das conpetiçoes Fabrisia eu sou da mesma sala que vc eu estudo na sua escola

  38. Thaiane disse:

    Eram ocoridos no santuario de Zeus

  39. Millena dos Sabtos Ferreira disse:

    Eu acho legal como a história muda conforme o tempo e isso mostra como nós evoluímos com ele!!!

  40. Ana Julia disse:

    amei bom demais para meu estudo da prova de educação fisica 🙂 🙂

  41. Rosyeyne disse:

    Amieiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii site continuem assim me ajudou muito
    OBRIGADO 🙂 🙂 🙂 🙂 🙂 🙂 🙂

  42. sara disse:

    preciso saber como eram os jogos olímpicos na antiguidade

  43. yara adryelle disse:

    adorei o site, pena que não diz tanto sobre olocal

  44. Eduardo batista alves disse:

    Cara me ajudou muito em educação fisica parabens!!!

  45. ysabel leiser disse:

    adorei me ajudou muito no meu trabalho da escola

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *