Início » Cultura » É lançada a primeira parceria musical de Tom Jobim e Vinicius de Moraes
NESTA DATA

É lançada a primeira parceria musical de Tom Jobim e Vinicius de Moraes

No dia 25 de setembro de 1956, o espetáculo Orfeu da Conceição sela a parceria musical entre Tom Jobim e Vinicius de Moraes

É lançada a primeira parceria musical de Tom Jobim e Vinicius de Moraes
A obra marca o encontro artístico do autor Vinícius de Moraes com Antonio Carlos Jobim que musicou todo espetáculo (Reprodução/Internet)

Orfeu da Conceição é a primeira parceria musical de Tom Jobim e Vinicius de Moraes. A obra é uma adaptação em forma de peça musical do mito grego de Orfeu transposto à realidade das favelas cariocas. O espetáculo estreou no Theatro Municipal do Rio de Janeiro em 25 de setembro de 1956 com cenários de Oscar Niemeyer.

Desde 1942 que a ideia de transpor o mito grego de Orfeu para uma favela carioca habitava Vinicius de Moraes. Foi durante esse ano que o poeta americano Waldo Frank visitava o Brasil e que Vinícius ficou responsável por guiá-lo pelo país. Suas incursões no mundo das favelas, dos terreiros de candomblé, da região do Mangue e das escolas de samba da cidade mergulharam o poeta em uma realidade afro-brasileira que não vivia até então.

Nesse mesmo ano, Vinicius estava passando alguns dias na casa de seu grande amigo Carlos Leão, localizada em Niterói, no Morro do Cavalão. Foi lá, lendo um livro sobre mitologia grega enquanto ouvia, ao longe, o som de uma batucada vindo de uma favela próxima, que o poeta vislumbrou o mito dentre escolas de samba. Naquele momento, sua tragédia carioca ganhava o primeiro ato.

A obra marca o encontro artístico do autor Vinicius de Moraes com Antônio Carlos Jobim que musicou todo espetáculo. A parceria entre os dois artistas se tornou constante. Dessa peça, fez bastante sucesso a música “Se Todos Fossem Iguais a Você”, gravada até por Frank Sinatra.

 

Fontes:
Jornal GGN-Tom Jobim, Vinícius de Moraes e Orfeu da Conceição

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *