Início » Cultura » Turismo » CCBB do Rio é o 10º centro cultural mais visitado do mundo
Fuja do roteiro

CCBB do Rio é o 10º centro cultural mais visitado do mundo

Instalado no número 66 da Rua Primeiro de Março, o CCBB oferece ao visitante um restaurante, casa de chá, bombonière e loja de produtos culturais

CCBB do Rio é o 10º centro cultural mais visitado do mundo
Fachada do prédio do CCBB

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

O Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB) não é só um dos pontos altos da cultura carioca, como também de todo o mundo. Recentemente, a revista The Art News Paper divulgou a lista dos museus mais visitados no planeta, e o CCBB aparece em décimo lugar.

Seu charmoso prédio, erguido em 1880, já foi sede do Banco do Brasil e da Associação Comercial do Rio de Janeiro. O CCBB oferece ao público uma programação cultural que é referência no Rio de Janeiro e no Brasil.

O prédio já é uma atração à parte em seu estilo colonial, com elevadores elegantes, colunas imponentes e uma bela abóboda. Em 1989, o lugar ganhou status de centro cultural e hoje reúne três teatros, quatro salas para mostras, biblioteca com mais de 100 mil volumes em acervo informatizado, auditório, salas de vídeo e cinema. Além de se destacar pela bela arquitetura, o CCBB tem em sua intensa agenda de programações um grande atrativo: a exposição permanente  “Brasil Através da Moeda”.

Localizado no quarto andar, a exposição não perde em nada para as grandes atrações que o CCBB abriga. Ao entrar, há um caminho de moedas no chão e citações da literatura e da música que tratam com poesia o tema dinheiro. O visitante tem acesso à cultura geral do Brasil por meio da história da moeda. Um pequeno detalhe e que revela muito sobre o “jeitinho brasileiro” é ter, no meio das moedas e cédulas centenárias,  uma bala de tamarindo, usada frequentemente em armazéns e botecos como troco.

Com projetos nas mais diversas áreas, o CCBB tem um volume de frequentadores comparável ao de outras grandes instituições culturais do mundo. Nos vários campos da arte, a programação procura oferecer obras que vão do clássico ao experimental, do erudito ao popular, dos grandes mestres aos talentos iniciantes. Esses critérios de seleção permitem ao CCBB alcançar frequentadores com os mais abrangentes níveis de interesse.

Instalado no número 66 da Rua Primeiro de Março, o CCBB oferece ainda ao visitante um restaurante, casa de chá, bombonière e loja de produtos culturais. A novidade é um ambiente confortável e com acesso à internet. O centro cultural disponibiliza uma área de 1.430 metros quadrados para exposições, distribuída em dois andares. Há ainda a surpresa do visitante de primeira viagem de entrar nos antigos cofres do Banco do Brasil, que agora fazem parte da área de exposição. Há ainda um cinema e uma sala de vídeo onde são exibidos filmes de arte, mostras respectivas e festivais.

O centro conta com três teatros: um exclusivo para montagens teatrais; outro, onde são apresentados espetáculos de música erudita e popular, dança e peças teatrais; e o terceiro, mais alternativo, onde são exibidos espetáculos de música popular e instrumental e peças teatrais não convencionais.

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

1 Opinião

  1. JULIO EDMOND disse:

    O CCBB É MOTIVO DE ORGULHO PARA TODOS,NÃO SÓ PELAS MAGNÍFICAS INSTALAÇÕES COMO TAMBÉM PELA EDUCAÇÃO DOS QUE LÁ TRABALHAM;SUAS EXPOSIÇÕES SEMPRE ATRAEM MUITO PÚBLICO, O QUE DEMONSTRA O INTERESSE PELA BOA CULTURA.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *