Início » Notícia » Lugares pouco conhecidos no Rio de Janeiro que são boas opções de lazer
Turismo

Lugares pouco conhecidos no Rio de Janeiro que são boas opções de lazer

Para aproveitar um momento agradável e junto à natureza nem sempre é preciso sair dos limites da cidade

Lugares pouco conhecidos no Rio de Janeiro que são boas opções de lazer
A Praia do Perigoso fica localizada no bairro de Guaratiba, Zona Oeste (Reprodução/Internet)

Janeiro é um mês a férias, viagens e fuga do estresse do dia-a-dia. Mas, para aproveitar um momento agradável e junto à natureza, nem sempre é preciso sair dos limites da cidade. O Rio de Janeiro conta com uma série de locais pouco conhecidos que podem ser boas opções para esse começo de ano. Confira alguns deles:

Praia do Secreto

Essa praia fica entre as praias da Macumba e a Prainha, no Recreio. Para chegar até o local, é preciso andar pelas pedras num trilha que começa a partir da Praia da Macumba ou subir pela estrada que liga Macumba e Prainha, e descer pela trilha de terra e pedra, que é bastante íngreme. O ideal é ir de tênis. Também é preciso ficar atento às marés: as muito altas ou muito baixas, que fazem com que a piscina desapareça.

maxresdefault

 

Praia do Perigoso

A Praia do Perigoso fica localizada no bairro de Guaratiba, zona oeste. O local é tranquilo e quase deserto, frequentado principalmente por surfistas. O acesso se dá pela Barra de Guaratiba e a trilha começa na Rua Parlon Siqueira, na praia do Canto. São cerca de 1,5 km de caminhada na floresta, e o percurso leva, em média, 40 minutos para ser concluído. É importante levar tudo aquilo que quiser consumir, pois o local é bem isolado.

Praia-do-perigoso

 

Cachoeira do Horto

A Cachoeira do Horto fica no Parque Nacional da Tijuca. A subida começa na Rua Pacheco Leão, no Jardim Botânico, e segue pela Estrada Dona Castorina. Logo na entrada tem uma piscina natural, mas é bem rasa. Para acessar a Cachoeira dos Primatas, a mais importante do local, é preciso subir uma trilha de aproximadamente 10 minutos. O esforço é recompensado com a água gelada e refrescante e com a queda d’água entre as pedras.

cachoeira horto

Parque Estadual da Pedra Branca

O Parque Estadual da Pedra Branca é o maior parque natural urbano do mundo, com área de 12.500 hectares. Ele se estende de Guaratiba até Sulacap, passando pelos bairros de Vargem Grande, Camorim, Jacarepaguá e Campo Grande. Os seus principais atrativos são os núcleos da Taquara e do Camorim, em Jacarepaguá. Lá é encontrado o Circuito das Águas, um complexo com cachoeiras, açudes e represas. O acesso se dá pela Estrada do Pau-da-Fome. A caminhada dura em média 20 minutos, numa extensão de 250 m e com baixo nível de dificuldade. O parque fica aberto diariamente, das 8h às 17h

imovelvip-jacarepagua-parque-estadual-pedra-branca

 

 

Fontes:
INEA
Parque Estadual da Pedra Branca
E-trilhas

8 Opiniões

  1. ISRAEL P. BEZERRA disse:

    O André Luiz colocou muito adequadamente… porque qualquer itinerário que possamos programar no Rio de Jandeiro, é FUNDAMENTAL observar as condições de SEGURANÇA, desde o percurso, horários e logística, assim podemos ter alguma chance de completarmos a tarefa com menor risco de grandes dissabores versus um prazer momentâneo! Infelizmente enquanto não priorizarmos uma eficaz escolha dos nossos governantes, estabelecendo PARÂMETROS tais como FICHA LIMPA, CAPACITAÇÃO, IDONEIDADE, PATRIOTISMO, BOM CARÁTER, CIDADANIA, etc., APÓS uma LIMPEZA COM CREOLINA do escroque atual… melhor salvaguardarmos a nossa INTEGRIDADE FÍSICA E MENTAL.

  2. Ludwig Von Drake disse:

    Está tudo poluído.

  3. André Luiz D. Queiroz disse:

    Uma coisa que o artigo não comenta: apesar de belíssimos, como estão as condições de segurança desses lugares, especialmente as cachoeiras no meio da mata?…

  4. Sabrina Martins disse:

    A melhor da lista, sem dúvidas, é a Cachoeira do Horto mesmo estando muito cheia nesse verão. A água é limpa e gelada

  5. Luiza Muniz disse:

    Dicas preciosíssimas para esse verão absurdo do Rio de Janeiro. Obrigada

  6. Marcelo Rodrigues disse:

    Já fui em alguns lugares da lista e eles são maravilhosos mesmo. Quero ir agora no Secreto!

  7. Joma Bastos disse:

    Se o Brasil trabalhasse o Turismo como uma das suas principais atividades econômicas, com toda a certeza que teríamos uma bela entrada de capital neste belo país. Mas a violência e o sub-desenvolvimento social, afastam o turismo mundial do Brasil.

  8. Maria Leite disse:

    Adorei! Não conhecia muitos desses lugares. São bons para aproveitar o verão.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *