Início » Economia » Apenas 25% dos trabalhadores têm emprego estável
Relatório da OIT

Apenas 25% dos trabalhadores têm emprego estável

Relatório da OIT mostra ainda que a insegurança no mercado de trabalho aumentou nas economias avançadas e emergentes

Apenas 25% dos trabalhadores têm emprego estável
Emprego assalariado representa só metade do emprego mundial (Fonte: Reprodução/AFP)

O relatório “Perspectivas Sociais e do Emprego no Mundo 2015” divulgado nesta segunda-feira, 18, pela Organização Internacional do Trabalho (OIT) revelou que apenas um quarto dos trabalhadores do mundo tem um emprego estável, de turno integral e com contrato permanente.

De acordo com a OIT, o emprego assalariado representa só metade do emprego mundial. A outra metade adota, por exemplo, o trabalho autônomo ou atividades econômicas familiares.

O relatório mostra ainda que a insegurança no mercado de trabalho aumentou nas economias avançadas e emergentes. O modelo que melhor garante proteção social já não é predominante entre os empregos gerados, nem mesmo nos países desenvolvidos.

No caso de trabalhadores autônomos, dados mais recentes mostram que apenas 16% contribuem com a previdência.

Dados da OIT revelam também que mais de 60% dos empregados não têm qualquer tipo de contrato de trabalho — considerado um dos mecanismos mais eficazes para a proteção do trabalhador. Na América Latina o número chega a 69%, enquanto no conjunto de economias avançadas, apenas 17%.

A taxa global de desemprego é atualmente de 5,9%, ou 201 milhões de pessoas, e de 13% para os jovens. Em 2000 as taxas eram de 6,4% e 12,9%, respectivamente.

Fontes:
Terra - Para OIT, insegurança se tornou regra no mercado de trabalho

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *